Destaques

A revista FotoVolt de março/abril já está online. A reportagem especial Futuro da geração distribuída: as novas regras virão do Legislativo?, na pág. 18, mostra que a mudança no sistema de compensação da geração distribuída é o ponto-chave nas discussões da Resolução Normativa 482, em revisão desde maio de 2018. As decisões acerca do tema podem definir a competitividade e o futuro da cadeia produtiva da energia solar fotovoltaica no Brasil. Veja na pág. 36 o artigo Minigeração distribuída integrada a projeto de e­ficiência energética, mostrando que o projeto apresentado contempla a implantação de minigeração distribuída e medidas de eficiência energética em várias dependências de um clube. A produção de energia fotovoltaica para suprir parte do consumo das instalações aliada à modernização e uso de equipamentos e sistemas eficientes reduzem o consumo de energia elétrica e promovem economia de custos. E na pág. 56, o artigo Sinergia entre inversores de geradores fotovoltaicos, onde mostra que, em alternativa aos geradores fotovoltaicos operados com inversores centralizados em aplicações comerciais, uma solução que utiliza inversores primários e secundários, de construção mais leve, montados de modo a constituir um sistema integrado, pode apresentar vantagens.