Adalberto Rezende, da redação

 

 

Um sistema de inteligência artificial que pode coletar dados provenientes de processos produtivos do chão de fábrica em tempo real foi desenvolvido pela MAP Intelligence (Manaus, AM), que contou com o apoio da Agência Brasileira do Desenvolvimento Industrial (ABDI) e da Bertha Capital.

 

Denominado assistente virtual inteligente “Wisdom Maker”, o sistema está sendo implementado em um parque fabril onde são produzidas rodas metálicas – envolvendo processos de conformação, fundição e usinagem de metais –, em Vinhedo (SP), e já é utilizado em uma linha de produção de componentes plásticos na capital amazonense. 

 

 

Neste último caso, Manuel Cardoso, diretor-executivo da MAP Intelligence, que concedeu entrevista à Corte e Conformação de Metais, explicou que a base de dados da fabricante de componentes plásticos está ligada à base de conhecimento do assistente virtual inteligente, de forma que o sistema atue em tempo real em operações de gestão de processos, por exemplo.

 

Sobre o uso de IA no processamento de chapas e tubos metálicos, abrangendo corte, conformação, estampagem, soldagem, entre outros, Manuel deu alguns exemplos de como essa tecnologia pode ser implementada no setor metalmecânico. Nas palavras dele, “no processo de corte de metais pode haver a influência das condições ambientais do local de trabalho, tais como temperatura da chapa, do ar, nível de umidade etc. Ou seja, são muitas informações a serem processadas e parâmetros a serem ajustados em pouco tempo, e é aí que entra a IA, que pode contribuir para que essa massa de dados seja utilizada de forma eficaz nesse curto período de tempo”. Sobre isso, o executivo sugeriu o uso de câmera termográfica e sensores para coleta de dados referentes às condições do local de trabalho, que também podem ser gerenciados com o auxílio do Wisdom Maker.

 

Além disso, o entrevistado comentou que o assistente virtual inteligente pode ser usado para auxiliar o operador da máquina de corte na gestão de dados provenientes do processo que envolve a chapa como, por exemplo, “aleatoriedade de formatos de corte conforme o tipo de produtos que estão sendo fabricados, e será útil no gerenciamento e programação do setup da máquina”, complementou.

 

 

IA e EPIs operando juntos

 

Entre os exemplos de uso do assistente virtual inteligente Wisdom Maker está a prevenção de acidentes em parques fabris. Manuel Cardoso comentou que o sistema de IA também pode operar junto com EPIs inteligentes.


Ele comentou que trabalhos nesse sentido já vêm sendo realizados e deu como exemplo o uso de inteligência artificial conectada a um tipo de tiara cuja função é, de acordo com o executivo, “monitorar o nível de fadiga de um colaborador para que, se for constatado um alto nível, ele seja retirado do local de trabalho antes que aconteça um acidente”. 

 

Ainda de acordo com Manuel, é fundamental que os colaboradores interajam com o sistema de IA, o que “fará com que o assistente virtual inteligente aprenda cada vez mais e que o banco de dados da companhia fique cada vez mais completo. Quando dizem que as melhorias foram conseguidas graças à IA, eu digo que foram conseguidas graças às pessoas, porque a IA é uma ferramenta justamente desenvolvida para que os colaboradores a usem visando maximizar a produção da fábrica”, concluiu.

 

Mais informações podem ser obtidas pelo site da MAP Intelligence.


 

Imagens: Manuel Cardoso/Divulgação, Freepik.

 

Mais notícias:

 

Digitalização aplicada ao curvamento de perfis

 

Treinamento sobre NR-12 em realidade virtual e no metaverso

 

IoT aplicada aos processos de soldagem

 

#MAPIntelligence #IA #CorteeConformaçãodeMetais



Mais Notícias CCM



BMW inaugura estamparia de última geração para produzir carros elétricos

Estamparia com equipamentos de última geração foi inaugurada na unidade norte-americana da montadora alemã, criando mais de 200 novos empregos em áreas técnicas e operacionais.

01/07/2024


WEG anuncia investimento de R$ 69,5 milhões em inovação

Com financiamento do BNDES no valor de R$ 58 bilhões, a WEG vai investir na atualização do parque fabril, em cinco frentes de desenvolvimento tecnológico.

01/07/2024


Cabines de limpeza da Delta têm novos recursos

Atenta aos requisitos de limpeza técnica na indústria, a empresa aprimorou o nível de retenção de partículas de seus modelos de lavadoras de peças por ultrassom.

01/07/2024