O UCSGRAPHENE, espaço fabril voltado à produção de grafeno em escala industrial situado no município gaúcho de Caxias do Sul, e a Zextec Consultoria Empresarial, empresa instalada na mesma região, firmaram uma parceria para desenvolver um reator que pode fazer a dispersão de grafeno em formulações de materiais poliméricos.


 

Entidades brasileiras desenvolveram um reator para processar grafeno

 

O equipamento, que atualmente opera em sua versão de protótipo, é capaz de inserir grafeno nas cadeias estruturais de, por exemplo, resinas termoplásticas, materiais compósitos, revestimentos, lubrificantes e solventes. E ele pode fazer esse tipo de mescla de forma muito homogênea devido à sua alta capacidade de cisalhamento, processando formulações sob até 200.000 rpm.


 

 

De acordo com as entidades envolvidas nesse projeto, a criação do reator possibilitou a obtenção de misturas em ambiente industrial que apresentam um nível de qualidade semelhante ao das realizadas em laboratório. Além disso, o equipamento pode processar grafeno em soluções em estado líquido ou sólido.


 

 

Migramos para um patamar tecnológico mais alto, de forma que temos a possibilidade de replicar os desenvolvimentos realizados em escala laboratorial para a escala industrial. Com isso, podemos auxiliar ainda mais as empresas na aplicação do grafeno, tanto em produtos já existentes como em projetos de novos produtos”, comentou Diego Piazza, coordenador do UCSGRAPHENE.


 

 

Hugo Sousa, diretor da Zextec, também salientou pontos importantes referentes ao trabalho que está sendo realizado. “Como o grafeno ainda é bastante novo para a indústria, este tipo de equipamento simplesmente não existe. Com esta tecnologia, além do grafeno como matéria-prima, poderemos também entregar soluções para as mais diferentes necessidades da indústria”.

 

 

 

Mais informações sobre grafeno e projetos realizados nessa área você confere em nosso webinar Grafeno: usos para um material avançado na indústria de plásticos. O Canal da Aranda Eventos também traz informações sobre diversos segmentos da indústria, assim como a seção de Guias.



 

Foto: Roger Clots


 

Conteúdo relacionado:

 

Acordo traça estratégia para indústria de grafeno no Brasil

 

Copolímeros para aplicações na área médica


 

 

#UCSGRAPHENE #ZextecConsultoriaEmpresarial #Grafeno #NovoReator #Plásticos



Mais Notícias PI



Injetora híbrida com força de 1.800 kN

Arburg vai expor injetora híbrida e com menor consumo de energia.

23/07/2024


Fabricante de embalagens se prepara para possível nova seca em Manaus

Antevendo desafios logísticos, a Extrusa Pack vai estocar matéria-prima em suas unidades na região Sudeste e é parceira na implantação de um posto de distribuição no AM.

23/07/2024


Centro técnico da Engel passa a ser equipado com injetora de alta capacidade

A fabricante austríaca de injetoras ampliou o seu centro técnico com a instalação de uma injetora de 55.000 kN de força de fechamento, desenvolvida com foco nas necessidades da indústria automobilística.

23/07/2024