Um levantamento realizado pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) apontou que em junho deste ano foram produzidos mais de 14.600 caminhões no Brasil, o que representa um percentual 5,3% maior do que o observado no mês anterior, em que foram fabricadas cerca de 13.900 unidades.

 

Esses resultados mostraram que o ramo está em seu melhor momento em 2021, o que também pode ser dito a partir de um comparativo com os registros obtidos nos últimos oito anos. Isso é um sinal de boas perspectivas para o segmento de corte, conformação e soldagem de chapas e tubos metálicos, haja vista a significativa quantidade de peças desse tipo usadas na fabricação de veículos pesados.

 

Setor de veículos pesados apresenta ótimo desempenho de produção

Outros dados obtidos por meio da pesquisa dizem respeito a: crescimento de aproximadamente 163% da produção de caminhões em um período que compreendeu de junho de 2020 até o mesmo mês deste ano; aumento de 115,1% do volume de caminhões fabricados no primeiro semestre de 2021 frente ao total de unidades produzidas no mesmo período do ano passado – foram concluídos mais de 74 mil veículos este ano, ao passo que em 2020 o total de caminhões produzidos chegou a um pouco mais de 34 mil.

 

Apesar disso, a instituição responsável pela realização da pesquisa salientou que na área de produção de chassis para ônibus ocorreu uma redução de aproximadamente 1,9% do volume de unidades concluídas entre maio e junho últimos. Paralelamente, foi constatado um crescimento de 17% desse volume em relação ao total produzido em junho de 2020.

 

O estudo mostrou ainda que em se tratando de um comparativo do total de chassis fabricados entre os meses de janeiro e junho deste e do ano anterior, em que foram concluídos, respectivamente, cerca de 10.300 e 8.900 chassis, houve alta de 15%. Ainda de acordo com a Anfavea, uma das perspectivas é que em 2021 a produção de veículos pesados tenha crescimento na faixa dos 42%, prevendo a produção de mais de 120 mil veículos dessa categoria.

 

Chapas e tubos na fabricação de peças e implementos

 

A utilização de chapas e tubos metálicos para fabricar peças estruturais e componentes para veículos segue em curso nos setores automobilístico e de implementos rodoviários e/ou para construção civil. Empresas dessas áreas estão investindo no aperfeiçoamento de seus processos de corte e conformação de metais e produtos feitos a partir desses materiais.

 

No início deste ano, o grupo Açotubo, com sede em Guarulhos (SP), anunciou que concluiu a renovação de seu certificado IATF 16949, o qual tem como uma de suas diretrizes o atendimento a requisitos de fabricação de autopeças e componentes relacionados, assim como configuração de linhas de produção voltadas para a manufatura de itens para automóveis.

 

Outro exemplo de uso de metais para a fabricação de implementos para veículos pesados foi mostrado recentemente pela SSAB, com matriz na Suécia e unidade comercial em São Paulo (SP). Neste caso, uma de suas linhas de aços de alta resistência foi usada na fabricação de uma betoneira, o que permitiu, de acordo com informações fornecidas pela companhia, a obtenção de uma estrutura cerca de 30% mais leve em relação aos implementos desse tipo fabricados com materiais tradicionais.

 

Imagem: Freepik

 

Reportagens similares:

Pesquisa aponta crescimento do ramo de estruturas metálicas

Atualização de sistemas de segurança para máquinas industriais antigas

 

#Aços #Anfavea #VeículosPesados #CorteeConformaçãodeMetais




 



Mais Notícias CCM



Digitalização e sustentabilidade estão na pauta de 85% das empresas, aponta estudo

Pesquisa mundial revelou o quanto empresas do setor industrial planejam aumentar investimento em transformação digital e sustentabilidade.

27/09/2021


Setembro Ferroviário traz oportunidades para o setor metalmecânico

Agilidade na execução de linhas férreas de trechos curtos e sistemas de ligação para transporte de pessoas aquecerá a demanda por componentes metálicos e serviços nos próximos anos.

20/09/2021


Encontro virtual voltado ao setor ferroviário

Negócios sobre Trilhos terá versão virtual gratuita, com três dias de palestras e encontros voltados para os negócios do setor ferroviário.

20/09/2021