Um relatório elaborado pela Central de Custódia, empresa que atua na verificação de resultados da logística reversa de embalagens no País, indicou que o investimento em gestão e reciclagem de resíduos sólidos pode proporcionar uma economia anual de mais de R$ 8 bilhões ao setor de saúde pública.

 

Trata-se de um estudo que abrange dados referentes à logística reversa de embalagens realizada no Brasil. O levantamento envolveu o uso da metodologia de Avaliação do Ciclo de Vida (ACV), tendo como base o ano de 2022. Foi realizado conforme as normas ISO 14.040 (2009) e ISO 14.044 (2009). 

 

Também foram usados dados provenientes do Panorama dos Resíduos Sólidos no Brasil do ano de 2022, um levantamento feito pela Abrelpe – Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública. De acordo com este estudo, em 2.826 municípios brasileiros naquele ano a disposição final de resíduos sólidos domiciliares ainda era feita de forma inadequada, representando 29,7 milhões de toneladas de lixo potencialmente explorado por catadores, que assim ficam expostos a altos riscos de contaminação, com reflexos sobre o sistema de saúde pública.

 

Fernando Bernardes, fundador e CEO da Central de Custódia comentou: “Esses dados reforçam a necessidade de criar mecanismos para que o Brasil aperfeiçoe a gestão e reciclagem de resíduos com a implementação de modelos de negócios 100% circulares”. 

 

Mais informações podem ser obtidas pelo site da Central de Custódia. Confira também um estudo sobre a poeira gerada na reciclagem mecânica de plásticos reforçados com fibras, em nosso site.

_______________________________________________________________________________

Assine a PI News, a newsletter semanal da Plástico Industrial, e receba informações sobre mercado e tecnologia para a indústria de plásticos. Inscreva-se aqui.

_______________________________________________________________________________

 

Imagem: Central de Custódia/Divulgação.

 

Leia também:

 

Reciclagem e destinação de resíduos serão tema de evento

 

Coletar 60 mil quilos de plásticos no Brasil é meta de empresas parceiras

 

#CentraldeCustódia #Abrelpe #PlásticoIndustrial



Mais Notícias PI



Embalagens especiais fabricadas com sobras de plástico

Empresa da Região do Grande ABC investe no reaproveitamento de sobras de plástico para fabricar novas embalagens.

03/06/2024


Covestro adquire participação na BioBTX e aposta na reciclagem química

Empresa holandesa que recupera matérias-primas por meio da reciclagem de resíduos mistos recebeu aporte de capital que permitirá o lançamento de uma planta em escala industrial, com entrada em produção prevista para 2027.

03/06/2024


Equipamento retira automaticamente arames de fardos de material reciclável

Sistema desenvolvido pela alemã Stadler remove os arames oriundos da amarração de fardos de resíduos antes que o material seja encaminhado para triagem.

28/05/2024