Adalberto Rezende, da redação

 

 

Com o objetivo de promover a competitividade do setor de fabricação de moldes no País e aumentar a visibilidade de empresas do setor dos plásticos e de ferramentarias brasileiras no mercado global, a Abinfer – Associação Brasileira da Indústria de Ferramentais – e a Produto Consultoria estão à frente de um programa que visa certificar empresas fabricantes de ferramentais e de estampos, assim como companhias que consomem estes e outros produtos.

 

O programa chamado PBQP-F – Programa Brasileiro de Qualidade e Produtividade de Ferramentas esteve entre os temas abordados na 15a edição do Encontro Nacional de Ferramentarias (Enafer).

 

André Silveira, integrante do time da Produto Consultoria, que concedeu entrevista à Plástico Industrial, explicou que na fase inicial do programa serão realizadas reuniões com fornecedores de sistemas e componentes para moldes, nas quais, segundo ele, “será sugerida a participação de todos os departamentos das empresas e discutido o custeio de testes de seus produtos, além de muitos outros assuntos”. Ele mencionou que também serão convidadas a participar do programa empresas fornecedoras de resinas e/ou que atuam na transformação de plásticos, visando contar com a expertise delas para a contribuição em projetos de moldes, por exemplo.

 

Na segunda fase os responsáveis pelo programa, de acordo com o cronograma mencionado por André, pretendem reunir ferramentarias, para que elas, nas palavras dele, “recebam orientações sobre o trabalho proposto e a respeito da compra de elementos para moldes – pinos extratores, molas, sistemas de câmera quente etc. – aprovados por meio do programa, e assim incentivar a competitividade da cadeia produtiva tanto em âmbito nacional quanto internacional. Em resumo, isso consiste em orientar as empresas quanto à escolha de produtos de sua cadeia produtiva”. Já a fase três do programa, terá como objetivo inserir os clientes das ferramentarias participantes.

 

O entrevistado também comentou sobre outros planos para o programa: “temos a intenção de criar um site onde as empresas participantes do programa façam o seu cadastro e obtenham informações sobre avaliações referentes aos fornecedores de sistemas e componentes para moldes e ferramental, por exemplo, e para que elas os avaliem também”.

 

 

Convite para instituições de pesquisa e ensino

 

O planejamento para a execução do programa PBQP-F também inclui a participação de instituições de pesquisa e ensino ligadas à indústria de manufatura. Essa informação foi fornecida por André Silveira, que comentou que a rede Senai é uma das “que estão na nossa lista de instituições com as quais temos grande interesse em estabelecer parcerias em futuro próximo, conforme forem sendo executadas as fases previstas para o programa. Mas isso, por enquanto, fica para um futuro próximo”, concluiu.

 

Mais informações podem ser obtidas pelo site da Produto Consultoria e da Abinfer.

 

Imagem: Freepik

 

Confira mais notícias:

 

Ferramentarias atentas à evolução tecnológica

 

Revestimento para moldes aumenta a resistência à abrasão e à corrosão

 

Como o tratamento superficial de moldes pode proteger cavidades e componentes

 

#Abinfer #ProdutoConsultoria #PBQPF #PlásticoIndustrial



Mais Notícias PI



A Lecar não vai mais produzir carros elétricos, mas sim híbridos.

Montadora brasileira vai redirecionar esforços antes dedicados à fabricação de carros elétricos para o desenvolvimento de veículos híbridos flex, com sistema de tração elétrico.

01/07/2024


Empresas de extrusão buscam atualização tecnológica

Ênfase no atendimento ao setor de embalagens e interesse por tecnologias habilitadoras da indústria 4.0 são tendências entre as empresas que processam materiais plásticos usando o processo de extrusão.

01/07/2024


Consumo de PVC aumentou entre 2022 e 2023

Pesquisa do IBPVC e da MaxiQuim revelou que o consumo aparente de PVC no País, nos dois últimos anos, passou de 1.024 para 1.122 toneladas.

25/06/2024