A fabricante de embalagens plásticas Terphane, empresa que tem sede em São Paulo (SP) e que pertencente ao grupo norte-americano Tredegar, obteve recentemente uma certificação internacional a qual atestou que a sua linha de filmes Ecophane possui formulação composta por pelo menos 30% de materiais obtidos por meio de reciclagem, incluindo  PET.

 

Plásticos feitos por reciclagem recebem aprovação de agência internacional

A partir da aprovação que foi concedida pela agência SCS Global Services, situada nos Estados Unidos, os produtos da linha mencionada anteriormente – que também obtiveram certificação no que diz respeito ao contato direto com alimentos no Brasil, com aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), e nos Estados Unidos e na Europa, estipulada pela Food and Drug Administration (FDA) e pela European Food Safety Authority (EFSA), respectivamente – passarão a contar com o selo denominado “Recycled Content”, ou “conteúdo reciclado”, em tradução livre.


 

 

O selo poderá ser impresso nas embalagens a fim de comunicar ao consumidor final que elas são sustentáveis e foram feitas com poliéster reciclado pós-consumo”, disse André Gani, diretor do departamento de vendas e marketing da Terphane. Segundo ele, o desenvolvimento desses produtos faz parte de um programa que visa ao alinhamento com os conceitos de sustentabilidade.


 

 

Em se tratando do PET utilizado na formulação dos filmes, o material é obtido a partir da coleta de garrafas e recipientes, por exemplo, os quais são submetidos a processos de triagem, limpeza e trituração antes de serem adicionados à composição das embalagens.


 

 

Mais informações podem ser obtidas aqui. Confira também os nossos guias que trazem informações sobre a oferta de resinas recicladas, além de artigos técnicos que abordam diversos temas relacionados a esta área.



 

 

Foto: Pixabay

 

Conteúdo relacionado:

Reciclagem química de plásticos usados em autopeças

 

Novos equipamentos para seleção de grânulos



 

#Terphane #SCSGlobalServices #Anvisa #Reciclagem #Plásticos



Mais Notícias PI



Polímeros biodegradáveis e de base biológica em aplicações de uso único

A Milliken se uniu à GO!PHA para impulsionar a adoção de PHA, polímero biodegradável de base biológica, em embalagens de uso único.

21/01/2022


Lançamento para o ramo do plástico inclui plataforma digital e serviços

Empresa divulgou pacote de recursos digitais para conectividade no chão de fábrica a ser comercializado no Brasil.

21/01/2022


Uma rede de produção para a impressão 3D

A EOS passou a gerir sua própria rede de parceiros em manufatura aditiva, que conecta empresas de diversos portes para produzir peças impressas em 3D em larga escala.

20/01/2022