A Pollux, empresa de tecnologia industrial com matriz em Joinville (SC), elaborou um processo de tryout (aprovação final de projetos) totalmente virtual, que fez sucesso entre os clientes e, mesmo depois da pandemia, deve permanecer no portfólio da empresa. Desse modo o cliente poderá escolher o modelo remoto ou o presencial para aprovação de projetos.

 

 

Para a companhia, a experiência do cliente durante as etapas desenvolvidas é fundamental e a pandemia de Covid-19 poderia dificultar o acompanhamento de projetos industriais. “O tryout é a última etapa antes do equipamento ser embalado e expedido. Normalmente, era quando o cliente vinha até a empresa e participava diretamente de toda a validação, dos testes, tirando dúvidas de funcionamento. Isso ocorre antes de começarmos a instalação do equipamento na fábrica do cliente. Nos nossos cronogramas é uma data que tem destaque, que é muito valorizada” comentou Aline Cristina Giacomini, gerente de projetos da Pollux.

 

Giacomini completa dizendo que para continuar operando na pandemia, foi preciso transformar este método e promover uma experiência inovadora para o cliente, que não comprometesse o resultado. Após a primeira experiência de tryout virtual, a empresa recebeu um retorno positivo e sugestões de melhorias, que culminaram na atual estrutura montada especialmente para a aprovação remota ao vivo, baseada no uso de câmeras móveis e fixas posicionadas de acordo com o que precisa ser mostrado com mais ou menos detalhes e em diversos ângulos. As imagens são transmitidas simultaneamente e é possível focar em qualquer detalhe que o cliente queira mais visibilidade.

 

O principal benefício alcançado foi garantir a segurança das equipes, as quais não precisam mais se locomover entre cidades ou estados, além de evitar aglomeração de pessoas. Ainda segundo Aline, o formato virtual proporcionou também mais organização e, embora o novo recurso tenha nascido de uma necessidade, tornou-se uma opção que o cliente poderá escolher como alternativa, caso melhor o atenda.

 

(Fotos: Pollux)

#plastico #tryoutremoto #industria40

 

Conteúdo relacionado:

Novo robô para espaços fabris

Escâner robótico 3D para inspeção de peças




Mais Notícias PI



Parceria evitará o descarte de resíduos plásticos em aterro sanitário

Acordo entre companhias prevê a triagem de resíduos plásticos domiciliares antes de seu descarte em aterro, reinserindo-os na indústria com o objetivo de estimular a economia circular.

30/10/2020


Estirênicos plenamente recicláveis

Trabalho conjunto entre a SCS e o Instituto Fraunhofer atestou a adequação do poliestireno reciclado para aplicações envolvendo o contato com alimentos.

29/10/2020


Aditivo à base de zinco protege superfícies plásticas

Empresa lança aditivo que impede a disseminação de vírus, bactérias e fungos em superfícies plásticas

27/10/2020