A engenharia de moldes para injeção de materiais plásticos é uma das especialidades representadas pela equipe brasileira na WorldSkills 2019, maior competição de educação profissional do mundo, que esse ano foi realizada na Rússia.


Vitor Galdino, estudante da rede Senai de São Paulo (SP), foi medalhista de prata na competição de engenharia de moldes para polímeros – categoria que avalia a criação de moldes usando sistemas de usinagem assistida por computador (CAD/CAM) –, o que contribuiu para que a delegação brasileira conquistasse 13 medalhas das 56 em disputa. Os competidores são estudantes de cursos <inserir link da seção> técnicos e jovens profissionais com até 25 anos de idade. Nas provas, realizadas durante quatro dias, os participantes deveriam completar os desafios propostos pela organização dentro de padrões internacionais de qualidade.

 

A equipe do Brasil ficou em 3° lugar no quadro geral de medalhas, atrás apenas das equipes da China (primeira colocada) e da anfitriã (segunda colocada). Desde 2007 se mantém entre os cinco melhores do mundo na competição.

 

#engenhariademoldes #worldskills2019 #moldeinjeçao #plastic



Mais Notícias PI



Mobilidade elétrica: novos grades de PPA voltados à inovação sustentável

Empresa desenvolveu novas soluções de poliftalamida (PPA) projetadas para aplicações em componentes de transportes elétricos e em eletrônica de potência.

30/11/2021


Projeto usará embalagens de EPS na produção de peças para eletrodomésticos

Parceria que visa à fabricação de peças para refrigeradores usando embalagens de EPS pretende reaproveitar 200 toneladas de material pós-consumo até o próximo ano.

30/11/2021


ESG na prática no setor de plásticos

Optar pela desafiadora reciclagem de filmes flexíveis levou a Plastiweber a conceber novos produtos e aplicações para os laminados obtidos a partir de material pós-consumo.

30/11/2021