Sob o slogan “Pesquisa para uso prático” (Research for practical use), o Instituto de Processamento de Plásticos (IKV) da Universidade de Aachen (RWTH) estruturou seu estande com áreas para a divulgação de três tecnologias: digitalização aplicada à moldagem por injeção, manufatura aditiva e revestimento a plasma para peças pequenas.

 

Foi montada uma demonstração prática da digitalização do processo de injeção em condições semelhantes às encontradas na indústria, levando em conta o constante aumento da complexidade do processo. A cooperação com treze parceiros da indústria tornou possível levar ao evento uma máquina de moldagem por injeção em funcionamento, equipada com recursos digitais que visam simplificara a rotina de set up com o uso de inteligência artificial.

O projeto de manufatura aditiva tratou da confecção de estruturas internas de componentes, as quais são determinantes de suas propriedades mecânicas. O projeto se concentrou no desenvolvimento de um software para gerenciar o preenchimento das estruturas 3D de forma adequada conforme diferentes níveis de cargas a que estarão sujeitas as peças finais.

No setor de revestimentos, equipe de cientistas do IKV desenvolveu uma unidade modular de tratamento por plasma altamente adaptável para o revestimento interior de pequenos artigos ocos, tais como seringas médicas, ampolas e copos de café. O objetivo é obter melhorias como aumento do o efeito de barreira contra gases e aromas, redução do atrito ou melhora da resistência química desses itens.

 

#K2019  #digitalizacaodaindustria  #manufaturaaditiva  #plastico


 



Mais Notícias PI



Momento pós-pandemia favorece o mercado de itens de lazer

Fabricante de gelcoat para acabamento de piscinas já percebe aumento de demanda por este item.

10/08/2020


Novos sistemas para recuperação de plásticos pós-consumo

Linha de reciclagem exposta na feira K

07/11/2019


Pneu termoplástico

Fabricado em material termoplástico, o novo pneu possui maior durabilidade, não fura e pode ser reciclado

06/11/2019