A Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq) divulgou dados provenientes do seu levantamento anual, levando em conta o desempenho anual do setor, entre os meses de dezembro de 2020 e de 2021, que mostrou que os fabricantes de maquinário industrial encerraram o ano passado com um faturamento 21% superior ao observado em 2020.

 

Pesquisa divulgada pela Abimaq aponta bom desempenho da indústria de máquinas em 2021

 

O ano de 2021 foi também o quarto consecutivo a apresentar desempenho positivo nas receitas de vendas do setor, registrando-se a continuidade da recuperação da crise encerrada em 2017, período em que os investimentos no País recuaram a níveis historicamente baixos, quando a receita média de vendas foi da ordem de R$ 13,7 bilhões ao mês. Em 2021, embora ainda esteja abaixo do pico de desempenho do setor, ela subiu para o patamar de R$ 18,5 bilhões mensais, conforme mostra o gráfico abaixo.

 

 

Gráfico do desempenho da indústria de máquinas em 2021

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Na comparação entre setores, o ramo de máquinas para a indústria de transformação, o que inclui os equipamentos para o setor de plásticos, foi um dos que tiveram melhor desempenho, com um aumento da receita da ordem de 31,8%, atrás apenas dos segmentos de máquinas para logística e construção civil (62,5%) e para agricultura (37,8%).

 

Já as exportações registraram forte recuperação em relação a 2020. A comparação entre o mês de dezembro de 2021 e o mesmo mês do ano anterior revelou um crescimento de 46,4%, representando 24,4% das vendas do setor. Os principais destinos das máquinas brasileiras foram países da América Latina (51,5%), além da China, Estados Unidos e países da Zona do Euro.

 

 

 

Importações em alta equilibram a balança comercial

 

A pesquisa da Abimaq revelou também que o mercado brasileiro teve mais interesse em adquirir maquinário estrangeiro. Na comparação interanual foi registrado um crescimento de 26,7% deste indicador. Os números divulgados mostram que as importações de máquinas e equipamentos se estabilizaram no nível observado antes da pandemia de Covid-19, com negócios girando em torno de US$ 1,8 bilhão por mês. 

 

Levantamento traz dados sobre o setor de máquinas industriais em 2021

 

De acordo com a entidade, a recuperação da atividade econômica trouxe mudança na dinâmica dos investimentos, e com ela o aumento também na aquisição de máquinas importadas, tendo como principal país de origem a China (gráfico ao lado). 

 

 

As importações oriundas do país oriental cresceram 53,8% permitindo a sua consolidação na posição de líder, com mais 25% das compras totais de máquinas pelo Brasil. No mesmo período, as compras vindas dos EUA recuaram 7,2%, levando o país a ocupar a segunda posição (17,9% de participação), e as importações da terceira colocada, Alemanha, cresceram 11,7%. As maiores taxas de importação ocorreram nos setores de construção civil (55,3%), indústria de transformação (34,6%) e agricultura (34,5%).  

 

Em comunicado à imprensa, Paulo Castelo Branco, presidente-executivo da Associação Brasileira dos Importadores de Máquinas e Equipamentos Industriais (Abimei), comentou a respeito da alta das importações de equipamentos: “com isso, o setor pode se reforçar com produtos que não existem no mercado nacional, a fim de elevar a competitividade, gerar novos empregos e reaquecer a produção industrial brasileira”.

 

Mais informações podem ser obtidas aqui. A seção de guias da revista Plástico Industrial também traz dados sobre fornecedores de equipamentos e serviços no Brasil.

 

 

Gráficos: Abimaq / Imagem: Pixabay

 

 

Conteúdo relacionado:

 

Os novos recursos para a extrusão na era digital

 

Projeto de inteligência artificial integra injetoras de diferentes fabricantes

 

#Abimaq #Abimei #Pesquisa #Plásticos 



Mais Notícias PI



ICIS atualiza sua base de dados de reciclados

Prestadora de serviços de análise de mercado de petroquímicos passa a ter em sua base de dados os reciclados obtidos por via química e mecânica

09/04/2024


Inscrições abertas para bolsas de estudo com foco na indústria

Concurso de bolsas de estudo do programa Inova Talentos abrange áreas como engenharia de materiais e engenharia mecânica.

09/04/2024


Plástico Brasil e VDMA formam parceria

Foi anunciada pela Associação dos Fabricantes de Máquinas e Instalações Industriais, da Alemanha, uma parceria com a comissão organizadora da feira Plástico Brasil, que terá nova edição em 2025.

02/04/2024