A cadeia produtiva de aços está acompanhando os avanços obtidos pela indústria de veículos elétricos nos últimos anos, o que a leva a prever uma possível alta da demanda por ligas metálicas especiais, tendo em vista a crescente produção de automóveis eletrificados e o desenvolvimento de projetos para a construção de estações de recarga. 

 

Indústria de carros elétricos e as oportunidades para o ramo metalmecânico são assuntos de uma matéria da revista Corte e Conformação de Metais

 

A mobilidade elétrica traz oportunidades para o setor siderúrgico e metalmecânico, o que inclui empresas fornecedoras de equipamentos e/ou serviços de corte, conformação, estampagem e soldagem de ligas de aços de alta resistência, aços elétricos e inoxidáveis, por exemplo. Cada um desses materiais já encontra espaço em diferentes aplicações na indústria de carros elétricos e híbridos.

 

Essa realidade influenciará cada vez mais a cadeia produtiva metalmecânica, conforme comentou Giovanni Marques, gerente de marketing da Açovisa, companhia que comercializa tubos de aço laminados e trefilados, bem como barras, e que presta serviços para a área, com sede em Guarulhos (SP).

 

Além de um provável aumento da demanda por aços de alta resistência, para a construção de carrocerias e de peças estruturais, e de aços elétricos e inoxidáveis, para a fabricação de itens para a proteção de baterias, o executivo deu alguns exemplos de fatores que estão contribuindo para a transformação do setor automobilístico, que incluem um maior interesse do consumidor por produtos amigáveis ao meio ambiente e que proporcionem custo-benefício. 

 

A mudança de comportamento dos consumidores é muito útil para a indústria automobilística quando usada como ferramenta para se ter uma melhor percepção sobre as preferências do público comprador de veículos. Giovanni comentou sobre isso dizendo que “um grande exemplo é a mudança da preferência do consumidor para carros hatch que aconteceu dos anos 2000 para cá. Hoje, os modelos hatch são maioria, mas nem por isso o setor siderúrgico perdeu”.

 

 

Aços para construir estações de recarga

 

Um aumento da demanda por aços para a construção de estações de recarga para veículos elétricos também está no radar da cadeia produtiva metalmecânica. A aplicação de aços neste tipo de empreendimento abrange, por exemplo, ligas de aço inox – levando em consideração fatores como a resistência a intempéries típicas de grandes centros urbanos, regiões litorâneas e outras, além da estética do estabelecimento – aços de alta resistência para a construção de estruturas e metais não ferrosos.


 

Imagem: Canva.com


 

Leia também:

 

“Máquina como serviço” é tendência no setor de equipamentos industriais

 

Sistema de inspeção contínua detecta inclusões em chapas metálicas

 

#Açovisa #MobilidadeElétrica #Aços #CCM



Mais Notícias CCM



Lecar não vai mais produzir automóveis elétricos. Agora, só híbridos.

Empresa brasileira vai redirecionar esforços antes dedicados à fabricação de carros elétricos para o desenvolvimento de veículos híbridos flex, com sistema de tração elétrico.

01/07/2024


BMW inaugura estamparia de última geração para produzir carros elétricos

Estamparia com equipamentos de última geração foi inaugurada na unidade norte-americana da montadora alemã, criando mais de 200 novos empregos em áreas técnicas e operacionais.

01/07/2024


WEG anuncia investimento de R$ 69,5 milhões em inovação

Com financiamento do BNDES no valor de R$ 58 bilhões, a WEG vai investir na atualização do parque fabril, em cinco frentes de desenvolvimento tecnológico.

01/07/2024