A Prima Additive, unidade de manufatura aditiva do Grupo Prima Industrie (Itália), que desenvolve maquinário para corte a laser de chapas metálicas, uniu-se à Materialise, fornecedora de soluções de impressão 3D para trabalhar na otimização de sistemas a laser de manufatura aditiva de metal.

 

A colaboração entre as duas empresas levou ao desenvolvimento do Print Genius 150, sistema de manufatura aditiva da Prima Additive com tecnologia de fusão em leito de pó (powder bed fusion), com dois feixes de laser trabalhando na mesma área. Foi integrado ao maquinário o hardware MCP da Materialise para obter funções de controle em tempo real e uma combinação simplificada com sistemas externos de monitoramento e controle para auxiliar no processo.

 

Um dos resultados da integração entre os sistemas Prima Additive e Materialise é o desenvolvimento de um algoritmo para balanceamento da carga de trabalho que permite explorar os dois lasers ao máximo e de forma equilibrada.

 

Graças a esse algoritmo, os dois lasers são capazes de trabalhar em cada camada ao mesmo tempo, distribuindo automaticamente o trabalho de forma homogênea e eliminando os momentos em que apenas um deles está trabalhando. O primeiro Print Genius 150 resultante desta colaboração foi instalado na Universidade de Leuven, Bélgica, em abril de 2021.

 

Todas as máquinas da Família Prima Additive 150 são equipadas com diferentes sensores que monitoram o processo em tempo real, além de um sistema duplo para pré-aquecimento da superfície do leito de pó a até 300° C, com a possibilidade de uso de lasers com diferentes comprimentos de onda.

 

A Plataforma de Controle da Materialise (MCP) é baseada em hardware e software incorporados à máquina para controle avançado dos processos de impressão 3D baseados em laser. É uma solução para fabricantes de máquinas, pesquisadores e usuários de impressão 3D que precisam adaptar o processo de produção para atender a necessidades específicas. É compatível com as tecnologias típicas da Indústria 4.0, tais como protocolos de comunicação OPC UA e acesso a dados em tempo real.

 

Foto: Prima Additive

 

Conteúdo relacionado:

 

Investimento em projetos de indústria 4.0

Máquina de entrada para corte a laser


 

#manufaturaaditivademetais #Primaadditive

 



Mais Notícias CCM



Nova unidade da Igus vai promover a automação de baixo custo

Um centro de automação foi inaugurado pela empresa alemã em Joinville (SC) para promover a disseminação do uso de sistemas robóticos em tarefas industriais.

11/07/2024


Lecar não vai mais produzir automóveis elétricos. Agora, só híbridos.

Empresa brasileira vai redirecionar esforços antes dedicados à fabricação de carros elétricos para o desenvolvimento de veículos híbridos flex, com sistema de tração elétrico.

01/07/2024


BMW inaugura estamparia de última geração para produzir carros elétricos

Estamparia com equipamentos de última geração foi inaugurada na unidade norte-americana da montadora alemã, criando mais de 200 novos empregos em áreas técnicas e operacionais.

01/07/2024