Consumidoras intensivas de energia, as empresas de processamento de plásticos buscam melhorar seus índices de produtividade reduzindo o custo unitário de seus produtos, o que está intrinsecamente associado à racionalização do consumo de energia. Por isso o uso de fontes alternativas é tão importante para essa indústria e será tema de um webinar que acontece na próxima quarta-feira, dia 1º de dezembro, às 18 horas, no canal da Aranda Eventos no Youtube.

A implantação de sistemas fotovoltaicos e o uso de geradores serão os principais tópicos da live que contará com a participação dos especialistas:

 


 



 

Depoimento de quem optou pelo sistema fotovoltaico

 

A live contará com o depoimento de Modesto Azevedo, presidente da Acquaforte, recicladora e transformadora de materiais plásticos situada em Mipibu (RN), que conta com um sistema fotovoltaico que gera 700 mil kWh por ano. O sistema opera desde julho de 2020, abastecendo toda a planta fabril composta por injetoras, extrusoras e moinhos.

 

O evento terá como mediadora Hellen Souza, editora da revista Plástico Industrial, e acontece no dia 01 de dezembro, quarta-feira, às 18 horas, no canal da Aranda Eventos no Youtube.

 

As inscrições já estão abertas e podem ser feitas aqui.

 

Confira os eventos anteriores na playlist PI webinar no Canal da Aranda Eventos no Youtube.


 

Foto: Shutterstock



 

Conteúdo relacionado:

 

Gestão energética no processamento de materiais termoplásticos

Recicladora e fabricante de produtos plásticos investe em energia renovável

O impacto da falta de eficiência energética no Brasil

 

 

#11WebinarPI   #alternativaenergéticanaindústriadeplásticos



Mais Notícias PI



Polímeros biodegradáveis e de base biológica em aplicações de uso único

A Milliken se uniu à GO!PHA para impulsionar a adoção de PHA, polímero biodegradável de base biológica, em embalagens de uso único.

21/01/2022


Lançamento para o ramo do plástico inclui plataforma digital e serviços

Empresa divulgou pacote de recursos digitais para conectividade no chão de fábrica a ser comercializado no Brasil.

21/01/2022


Uma rede de produção para a impressão 3D

A EOS passou a gerir sua própria rede de parceiros em manufatura aditiva, que conecta empresas de diversos portes para produzir peças impressas em 3D em larga escala.

20/01/2022