Parabéns ao programa Tampinha Legal pelos seus cinco anos de vida, um trabalho que tem como objetivo principal promover campanhas de coleta de tampinhas plásticas de forma a impedir que elas sejam descartadas incorretamente no meio ambiente.

Tampinha Legal completa cinco anos de existência e ultrapassa as 700 toneladas de tampinhas recolhidas

 

E não pára por aí! O programa também participa da comercialização das tampinhas recolhidas, as quais são ofertadas a cooperativas e companhias que atuam na reciclagem de plásticos. Além disso, os valores obtidos a partir da comercialização do material são destinados a entidades assistenciais credenciadas.

 

Além de comemorarem mais um ano de atividades, os organizadores do programa divulgaram que até o momento foram recolhidas 725 toneladas de tampinhas plásticas. Eles também informaram que uma quantia superior a R$ 1,5 milhão já foi direcionada às entidades assistenciais participantes.

 

Simara Souza, coordenadora do Instituto SustenPlást, instituição responsável pelo programa Tampinha Legal, deu mais detalhes sobre as marcas atingidas até agora: “São mais de 400 milhões de tampinhas coletadas, o equivalente a vinte e oito carretas carregadas com material plástico, que retornaram para a indústria para a produção de novos artefatos plásticos, proporcionando economia de energia, água, combustível e, claro, de matéria-prima virgem”.

 

Ela também comentou que, “o grande envolvimento da sociedade é a resposta de que estamos no caminho certo”. E estão mesmo! Afinal, o programa também conta com o engajamento de ONGs que atuam amparando animais, de instituições de pesquisa e de ensino, além de empresas e também, ainda de acordo com os organizadores, de casas de repouso.

 

E são muitos os trabalhos realizados voluntariamente no Rio Grande do Sul, estado onde o programa foi criado, em São Paulo, Minas Gerais, Alagoas, Pernambuco, Goiás e Distrito Federal. De acordo com divulgação feita pelo instituto, em breve serão iniciados trabalhos na Bahia. “Nossa meta é fazer do Brasil uma nação conscientizada quanto ao destino adequado dos resíduos plásticos”, disse Alfredo Schmitt, presidente do Instituto SustenPlást.

 

Ficou com vontade de participar dessa campanha? Então, mãos à obra!

Saiba mais aqui.

 

Imagem: Instituto SustenPlást/Divulgação.

 

Quer participar de mais campanhas? Confira a seguir.

Mais pontos de troca de embalagens por créditos em SP

Programa de reciclagem de copos plásticos no Sul

 

#MeioAmbiente #Sustentabilidade #EconomiaCircular #Reciclagem



Mais Notícias PI



Novos polímeros com grafeno, mais resistentes e sustentáveis

Parceria entre a Gerdau Graphene e a unidade Embrapii Senai Mario Amato terá foco na pesquisa, desenvolvimento e inovação para aplicações industriais do grafeno em plásticos.

18/01/2022


Poluição marinha por plásticos em debate

A AMI promove gratuitamente o evento virtual “Ocean Plastic”, que falará sobre como encontrar maneiras de resolver o problema da poluição marinha por plásticos.

17/01/2022


Sachês pós-consumo transformados em itens esportivos

Projeto que integra a Boomera e a marca Nescau resultou na reciclagem de resina pós-consumo, proveniente de embalagens flexíveis, em itens esportivos, os quais foram doados a organização beneficente.

14/01/2022