A holandesa Refitech, fabricante de materiais compósitos leves, expandiu sua linha de estruturas tubulares em fibra de carbono, incluindo agora na sua linha Refiflex um novo tubo de alta precisão, com seção de 40x40 mm e comprimento padrão de 1.600 mm. Também integram a série as conexões correspondentes para união e montagem de estruturas tubulares aplicáveis em áreas da engenharia que exigem materiais leves e resistentes, em substituição ao aço e ao alumínio. Alguns exemplos são a construção de partes de máquinas, robôs, peças para o setor aeroespacial e para drones.

 

Bas Nijpels, engenheiro de vendas da Refitech, comentou que a demanda crescente por sistemas construtivos leves fez crescer a procura pelos perfis em fibra de carbono, o que levou a empresa a oferecê-los em 18 formatos e tamanhos diferentes. “Embora nossos clientes estejam construindo aplicações cada vez mais interessantes, seu desafio é sempre o mesmo: alto desempenho com peso reduzido, em comparação com uma estrutura ou sistema de alumínio existente. Alguns exemplos recentes incluem quadros para telas de LED e garras que usam fibra de carbono para reduzir seu peso. Uma solução de carbono tem uma vida útil muito mais longa do que a alternativa de alumínio, e essa vantagem se paga rapidamente”, comentou.

 

A Refitech tem atuado no mercado brasileiro enviando pequenas quantidades do material à medida que são compradas em sua loja online. No entanto, os custos de transporte são altos, o que encarece o produto final. Por essa razão a empresa está procurando um agente que a represente no País, assegurando a manutenção de um pequeno estoque local que possa suprir a demanda interna.

 

As características do material incluem baixo peso combinado a alta resistência química e mecânica e baixo coeficiente de expansão térmica, o que o torna ideal para uso em robôs e braços mecânicos articulados. Os perfis podem ser comprados por metro e, combinados permitem a montagem de diferentes tipos de estrutura sem a necessidade de investimento em moldes.


 

Quadros de calibração ou gabaritos de montagem

Nijpels explica que os perfis são usados na indústria automobilística para fazer estruturas de calibração ou gabaritos de montagem: “Em comparação com armações de alumínio, este sistema pode economizar até 70% em peso com uma resistência e rigidez comparáveis. As vantagens para o usuário final são alta estabilidade dimensional e uma carga ergonômica muito baixa, devido ao baixo peso”.

 

Além de sua sede em Waalwijk (Holanda) a Refitech possui suas próprias instalações de produção em Ningbo, China. Nos países de língua alemã, coopera com a CG TEC Carbon und Glasfasertechnik GmbH (www.cg-tec.de), na Itália com a CarboSix (www.carbosix.it) e na Península Ibérica com a Clip Carbono (www.clipcarbono. com).

 

As empresas interessadas em estabelecer parceria para distribuição dos perfis da Refitech no Brasil podem entrar em contato pelo e-mail b.nijpels@refitech.nl .


Fotos: Refitech

 

#Refitech  #perfisemfibradecarbono #Refiflex


 



Mais Notícias PI



Mobilidade elétrica: novos grades de PPA voltados à inovação sustentável

Empresa desenvolveu novas soluções de poliftalamida (PPA) projetadas para aplicações em componentes de transportes elétricos e em eletrônica de potência.

30/11/2021


Projeto usará embalagens de EPS na produção de peças para eletrodomésticos

Parceria que visa à fabricação de peças para refrigeradores usando embalagens de EPS pretende reaproveitar 200 toneladas de material pós-consumo até o próximo ano.

30/11/2021


ESG na prática no setor de plásticos

Optar pela desafiadora reciclagem de filmes flexíveis levou a Plastiweber a conceber novos produtos e aplicações para os laminados obtidos a partir de material pós-consumo.

30/11/2021