A Hypertherm, fabricante industrial de sistemas de corte e softwares para a programação offline de robôs industriais que tem matriz nos Estados Unidos e escritório comercial em São Paulo (SP), desenvolveu a mais nova versão do seu programa computacional Robotmaster, denominada “V7.3”.

Novo software Robotmaster pode ser usado para cortar plásticos

 

O software passou a contar com novas ferramentas de suporte que lhe permitem ter compatibilidade com diversos tipos de arquivos CAD, programas para impressão 3D e plug-ins para conexão com sistemas como o CATIA, SolidWorks, Autodesk Inventor, Siemens, Solid Edge, AutoCAD, Pro-E/Creo, Rhino, entre outros.

 

Além disso, a nova versão apresenta processamento de dados mais rápido e pode ser usada para a programação de autômatos de diversas marcas, sendo também recomendada para aplicações em processos de cortes complexos em peças plásticas.

 

Sobre esse assunto, a companhia mencionou em comunicado à imprensa que o uso do V7.3 proporcionou uma redução de até 40% do ciclo de produção de operações de corte de grandes tubulações feitas em plásticos executadas por um robô desenvolvido pela Kuka (Alemanha).

 

De acordo com Carlos Marcovici, responsável pela comercialização do software Robotmaster na América do Sul, entre as ferramentas digitais inseridas na última versão estão módulos para a simulação de pintura de produtos, de deposição de material em manufatura aditiva, aplicação de adesivos, solda, entre outros.

 

“Os novos recursos encontrados na versão V7.3 são baseados em um trabalho feito com nossos clientes para entender como podemos otimizar ainda mais a programação robótica offline”, comentou Garen Cakmak, que comanda a equipe de softwares voltados para robôs da Hypertherm.


 

Mais informações podem ser obtidas aqui ou pelo e-mail carlos@robotmaster.com. Nossos guias de softwares industriais também trazem dados sobre a oferta desses e outros produtos no Brasil.

 

 

 

Foto: Captura de tela mostra um exemplo de simulação de processo de corte que pode ser executada pela nova versão do software Robotmaster.

 

 

Conteúdo relacionado:

Novo centro de inspeção robótica de peças plásticas em SP

Negócio por assinatura simplifica a adoção das tecnologias de manufatura aditiva

 

 

#Hypertherm #Robotmaster #Software #Plásticos



Mais Notícias PI



PET de origem vegetal na fabricação de garrafas para refrigerantes

Protótipo lançado este mês foi usado no envase do refrigerante da marca europeia Orangina. A comercialização deverá ter início em breve.

07/12/2021


Alta da produção de resinas recicladas nos últimos anos

Mais de um milhão de toneladas de resinas recicladas foram produzidas em 2020 no Brasil, de acordo com levantamento da MaxiQuim. Também foi percebido aumento do consumo de resíduos plásticos entre 2019 e 2020.

07/12/2021


Instituto expande área de atuação e muda de nome

O até então chamado Indac (Instituto Nacional para o Desenvolvimento do Acrílico) passou a representar também empresas da América Latina e mudou seu nome para Ilac (Instituto Latino-Americano do Acrílico).

07/12/2021