Mais um bom resultado para o setor industrial brasileiro: o indicador Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) registrou aumento de 3,6% na demanda por bens industriais no Brasil em dezembro no comparativo com o mês anterior. Foi a oitava vez em que houve variação positiva seguida na margem, de acordo com a entidade. Em relação a dezembro de 2019, a alta foi de 20,1%.

De acordo com a entidade, a importação de bens industriais subiu 17,3% neste período, enquanto a produção de itens nacionais avançou 3,5%. A demanda por bens de capital foi 99,2% maior, com destaque para as importações de plataformas de petróleo, que atingiram US$ 4,8 bilhões. Já a procura por bens intermediários cresceu 2,6% e por bens de consumo duráveis, 0,2%.  

Em relação a classes de produção, a demanda interna por bens da indústria de transformação apresentou elevação de 2,5% em dezembro, índice que foi associado pelo Ipea ao desempenho positivo das principais categorias econômicas. Os bons resultados também foram observados na indústria extrativa mineral, que aumentou 5,5%: dos 22 segmentos existentes, 14 tiveram algum tipo de variação positiva.

Crédito: Pedro Revilion/Palácio Piratini



Mais Notícias MM



Oportunidade: Setor ferroviário brasileiro vive boom de projetos

Programa do governo federal, que pretende facilitar a concessão de linhas férias, já recebeu pedidos para a autorização de iniciativas com mais de R$ 60 bilhões de investimentos

14/09/2021


Manufatura aditiva: nova aquisição movimenta o mercado internacional

Empresa americana Desktop Metal é a nova proprietária da italiana Aidro, empresa inovadora no ramo de impressão 3D

14/09/2021


Mercado internacional: Alemanha obtém alta na venda de máquinas-ferramentas

Terceiro trimestre obteve encomendas 103% maiores em relação às registradas no ano passado, confirmando tendência positiva observada nos três meses anteriores

31/08/2021