A Trumpf, com sede na Alemanha e unidade brasileira em Barueri (SP), integrou ao seu portfólio de produtos uma nova geração de máquinas de corte a laser, a série Trulaser 1000, 10% mais acessível que sua versão anterior e desenvolvida com a proposta de suprir as necessidades de empresas que estão iniciando na aplicação da técnica de corte a laser e necessitam de um modelo de entrada.

 

O equipamento recebeu recursos que asseguram o seu desempenho com estabilidade de processo e economia, incluindo a função High Speed Eco, antes disponível apenas em séries mais avançadas. Ela melhora a capacidade de modulação da potência, dobrando a velocidade de corte ao mesmo tempo em que reduz em até 50% o consumo de gás, tornando o equipamento uma alternativa econômica.

 

O equipamento incorpora também a tecnologia CoolLine, que consiste na aspersão automática de uma névoa de água na superfície da chapa, garantindo o resfriamento durante o processo e permitindo, por exemplo, o corte preciso de chapas de até 25 mm de espessura.

 

No sistema de controle foi incorporada ainda a função Smart Collision, baseada em um  algoritmo que calcula a sequência em que as peças devem ser cortadas, de modo a evitar colisões, o que reduz a incidência de paradas de máquina. “Graças à sua alta produtividade, ampla gama de aplicações e facilidade de operação, a nova geração da série TruLaser 1000 é ideal para empresas que desejam entrar no processo corte a laser 2D. Também complementa de maneira ideal a produção de empresas que já usam o método e desejam aumentar sua capacidade”, afirmou Jean-Baptiste Karam, gerente do produto na Trumpf. 

 

Retomada dos eventos presenciais

O novo equipamento foi um dos destaques exibidos pela Trumpf na feira Blechexpo, que aconteceu no mês passado na cidade de Stuttgart, na Alemanha. Ao comentar sobre o evento, o diretor da empresa no Brasil, João Visetti, falou sobre o bom desempenho do mercado brasileiro, salientando o crescimento de mais de 100% dos negócios no ano de 2021 em relação a 2020, o que sinaliza uma retomada efetiva dos negócios.

 

De acordo com o executivo, o consumo aumentou muito durante a pandemia, e consistiu em uma alavanca para a retomada do crescimento da indústria, mesmo diante de gargalos como a crise dos semicondutores, problemas com escassez de matéria-prima etc. Entre os segmentos atendidos pelos usuários das máquinas da Trumpf estão o agronegócio, a construção civil, equipamentos hospitalares, fitness, fornos e fogões industriais, ônibus  e o setor moveleiro.

 

Produção de caixas metálicas e estudos de projeto

A quantidade de lançamentos feitos na feira, de acordo com Visetti, mostra o dinamismo da indústria que processa chapas metálicas diante das novas necessidades do mercado. Um bom  exemplo é um centro de dobra, o Trubend 7020, com capacidade para dobrar abas de até 350 mm, um recurso que permite a produção de caixas metálicas para o setor elétrico e de eletroeletrônicos, além de armários inteligentes, itens muito demandados atualmente em virtude da automação de tarefas no setor de e-commerce. A evolução dos sistemas de programação visando à redução do tempo de set up e à racionalização da produção são importantes alavancas para a adoção do maquinário preparado para a manufatura inteligente.

O lançamento da 3ª geração de máquinas da série 3030, por exemplo, permite agora a execução de chanfros escareados (em formato Y) em chapas, prontos para o processo de soldagem subsequente, sem a necessidade de uso de um cabeçote de corte 3D.

Uma parceria da Trumpf com uma startup, anunciada durante a feira, vai tornar possível também a oferta de serviços de otimização de corte e dobra, o que permitirá, por exemplo, a substituição do processo de usinagem pelo corte e dobra, a partir de um estudo do projeto da peça a ser produzida. O serviço será oferecido de forma remota, por meio da troca de arquivos de projeto em ambiente virtual




 

Fotos (Trumpf): Itens cortados a laser e caixa executada em centro de dobra

 

Reportagens similares:

Soldagem alinhada com a impressão 3D de metais

Nova linha de itens para fixação de metais

 

#Trumpf  #Laser #CorteeConformaçãodeMetais

 



Mais Notícias CCM



Ampliação de fábrica de latas de alumínio

A Ardagh Metal Packaging investiu na ampliação de sua fábrica em Jacareí e, com o investimento, a unidade do Vale do Paraíba se torna a maior fábrica de latas de alumínio da América do Sul.

29/11/2021


Novos recursos de maquinário acompanham as tendências da fabricação mecânica

Sistema a laser de alta potência, célula robotizada para dobramento e avanços em software foram anunciados pela LVD.

29/11/2021


Produção brasileira de aço bruto tem alta de 19,2% até outubro

Segundo dados institucionais, a produção brasileira de aço bruto, no período de janeiro até outubro de 2021, teve aumento de 19,2% se comparada à do mesmo período de 2020.

29/11/2021