O Insper (São Paulo, SP), instituição de ensino superior voltada para a pesquisa aplicada e integração de áreas do conhecimento, iniciará neste mês a primeira turma do seu Programa Avançado em Transformação Digital: Gestão, Operações e Tecnologia.

 

Trata-se de um curso em nível de pós-graduação, que tem por objetivo unir conhecimentos de gestão e de tecnologia, notadamente nos campos da engenharia e ciências da computação, tendo em vista capacitar os estudantes para o desenvolvimento de estratégias digitais para os seus negócios a partir do uso dos inúmeros recursos tecnológicos hoje existentes, incluindo os relacionados à indústria 4.0.

 

O professor Carlos Valente, docente do programa, explicou que a formação passa pelo mapeamento das tecnologias disponíveis e pela definição de estratégias baseadas no grau de maturidade digital de cada negócio, tendo em vista a aprendizagem voltada para as necessidades individuais de cada aluno.

 

As tecnologias habilitadoras serão tratadas de forma a promover a clareza quanto à possibilidade de solução de problemas e geração de valor em diferentes elos da cadeia em questão, seja ela industrial, do setor de comércio ou de serviços. “A ideia é termos um programa no estilo ‘mão na massa’, com foco em projetos que identifiquem onde aplicar a tecnologia digital com clareza, de modo que iniciativas e investimentos tenham real possibilidade de gerar valor, capacitando o aluno para o desafio de gestão das mudanças”, comentou o professor.

 

No ambiente industrial, por exemplo, a ideia é identificar oportunidades a partir dos desafios atualmente enfrentados, tanto no âmbito business to customer (B2C) quanto business to business (B2B). Os trabalhos de conclusão de curso (TCC’s) serão elaborados ao longo da formação, e não ao final dela, visando privilegiar o desenvolvimento de projetos integradores, tanto individuais quanto em grupo.


 

Sobre o curso

 

A primeira turma do Programa Avançado em Transformação Digital: Gestão, Operações e Tecnologia terá início no dia 22 de julho, com aulas aos finais de semana (sextas, das 18 às 22h e sábados, das 8 às 17h), com duração de 396 horas (um ano e meio), dividida em seis módulos trimestrais. O curso será totalmente presencial e será oferecido aos finais de semana para facilitar o ingresso de participantes que não residam na cidade de São Paulo.

O Insper prevê manter uma programação de turmas semestrais. Assim, no final deste ano ou no início de 2023 serão novamente abertas inscrições para o curso. Serão oferecidas condições especiais para os participantes da primeira turma. Mais informações podem ser obtidas aqui.


 

Fotos: Insper



 

Leia também:

Digitalização da produção está transformando a oferta de máquinas injetoras

Periféricos conectados tornam processos mais eficientes

Como o setor de plásticos se situa no contexto da indústria 4.0

 

#Insper #pós #transformaçãdigital



Mais Notícias PI



Automação de baixo custo é o foco da nova unidade da Igus no Brasil

A empresa alemã inaugurou um centro de automação em Joinville (SC) para promover a disseminação do uso de sistemas robóticos em tarefas industriais.

05/07/2024


Empresas de extrusão buscam atualização tecnológica

Ênfase no atendimento ao setor de embalagens e interesse por tecnologias habilitadoras da indústria 4.0 são tendências entre as empresas que processam materiais plásticos usando o processo de extrusão.

01/07/2024


Máquina para soldagem a laser de plásticos é lançamento da Emerson

Equipamento proporciona soldagem livre de vibrações e é indicado para a união de peças plásticas com formato complexo para a área médico-hospitalar, indústria automotiva e de eletrodomésticos, entre outras.

04/06/2024