A ciência dos materiais ainda é uma incógnita para muitos fabricantes de produtos plásticos, especialmente o pessoal operacional. Ocupados em cuidar do funcionamento das máquinas e da rotina de produção, muitos profissionais acabam não dispondo de tempo para dedicar ao estudo das particularidades de cada tipo de material plástico, limitando-se a concluir, com base na observação, quais procedimentos são os mais indicados para obter produtos com a melhor qualidade possível.

 

No entanto, saber um pouco sobre os materiais ajuda a compreender o seu comportamento em máquina e, consequentemente, evitar problemas decorrentes de falhas na sua especificação. E é por isso que iniciamos este mês a seção “Matéria-prima” (página 46), com conteúdo técnico sobre um material polimérico a cada mês. Elaborada de forma didática, do ponto de vista de quem processa os materiais, a seção se inicia este mês com o poliestireno (PS), um material de baixo custo e que é usado como referência quando se quer expressar, por exemplo, a capacidade de injeção de máquinas.

 

Uma tarefa similar tem o guia de fornecedores de plásticos para a área médica, publicado pela primeira vez nesta edição (página 14). Com foco nos requisitos desse exigente mercado, a pesquisa detalha tanto a oferta dos materiais para as aplicações mais técnicas e duráveis quanto as commodities usadas em itens descartáveis, em que os plásticos predominam como aliados na rotina de cuidados de higiene e prevenção de contaminações. O objetivo é simplificar a rotina de quem precisa especificá-los em projetos para a área médica, e também das empresas que estudam entrar nesse mercado.

 

Outro assunto especialmente presente nesta edição é o impacto da chegada da digitalização à rotina da indústria de plásticos. Dois artigos técnicos em sequência tratam do tema ressaltando as mudanças que já estão ocorrendo no maquinário de transformação e no controle da produção. Sem que se perceba, e a contragosto de muitos, a tal indústria 4.0 já é uma realidade sem volta.

 

http://www.arandanet.com.br/revista/pi/edicao/2020/fevereiro

 

 



Mais Notícias PI



Técnicas para resistir ao caos

Se este ano está provocando reflexões, elas certamente estão relacionadas ao aprendizado que se fez necessário diante do imprevisto.

19/10/2020


Radiografia de um processo de sobrevivência

Inventário bianual do parque de máquinas para transformação de plásticos deste ano mostra também os efeitos da pandemia de Covid-19 sobre o setor.

20/08/2020


Uma nova realidade no fim do túnel

Crises são cíclicas e seu maior legado é fazer com que pessoas e empresas se transformem a partir de uma experiência ruim. Está sendo assim com a indústria em geral e em particular com a de plásticos.

22/07/2020