A Comau, com matriz na Itália e filial brasileira situada na cidade de Santo André (SP), integrou ao seu portfólio dois novos robôs industriais e um sistema para manipulação de peças que podem ser usados em linhas de usinagem.


A nova série de robôs S-Family (foto) passou a ser comercializada pela empresa. Os dois modelos de autômatos que compõem essa linha são indicados para operações que requeiram alta precisão e repetibilidade como, por exemplo, manuseio, montagem e soldagem.


Os robôs têm alcance de 1.700 mm, apresentam repetibilidade de ±0,03 mm e podem movimentar cargas com peso de até 13 kg e até 18 kg, dependendo do modelo. Possuem punho oco e têm componentes totalmente integrados, sendo também recomendados para atuarem em áreas com espaço reduzido. Além disso, são resistentes ao contato com água e poeira, e ainda a elementos contaminantes.


Além disso, o sistema MI.RA/OnePicker, recomendado para o manuseio de peças metálicas, foi integrado ao portfólio da Comau. Esta tecnologia, conforme foi divulgado à imprensa, pode ser configurada para operar em conjunto com sistemas de Inteligência artificial (IA), além de sensores para detecção, entre outros.

 

Este sistema de manipulação conta com algoritmos e pode ser integrado a células robotizadas, bem como operar em linhas de produção automatizadas. Os clientes podem consultar a companhia sobre as possíveis configurações tanto para os robôs quanto para o sistema de manipulação de peças.


Mais informações podem ser obtidas no site da Comau. Na seção Indústria 4.0 em nosso site você encontra informações sobre sistemas robotizados e de cibersegurança que podem ser usados no chão de fábrica.

__________________________________________________________________________________

Assine a Giro Rápido, a newsletter quinzenal da Máquinas e Metais, e receba informações sobre mercado e tecnologia para o setor de usinagem. Inscreva-se aqui.

__________________________________________________________________________________

 

Imagem: Comau/Divulgação.

 

Mais notícias:

 

Monitoramento da produção para pequenas e médias empresas

 

Realidade aumentada para células robotizadas

 

#Comau #MáquinaseMetais #RobôsIndustriais



Mais Notícias MM



Tornearia gaúcha investe em máquinas de usinagem e robôs

A Chico Tornearia pretende adquirir centros de usinagem e robôs industriais para atender à demanda de setores como o agronegócio e de veículos pesados. A empresa investe no aumento de sua fábrica e em treinamento interno.

04/07/2024


Subra lança série de máquinas para lavagem de peças usinadas

A remoção de cavacos acumulados em partes de peças fabricadas por usinagem pode ser feita por equipamentos comercializados em diferentes versões.

24/06/2024


Fabricação de aço alinhada à economia circular é meta de siderúrgica

A Aperam pretende aumentar o índice de aproveitamento de rebarbas de bobinas de aço e de sobras de outros materiais na fabricação de produtos.

20/06/2024