O mercado brasileiro de usinagem ganhou mais uma novidade: a fresa de topo RF 100 Carbo, direcionado para operações em alumínio e suas ligas. Responsável por sua confecção, a Gühring recomenda o uso do equipamento para trabalhos de acabamento com alta qualidade de superfície, em razão do sistema de acabamento com revestimento de diamante.  

Outra vantagem seria a taxa de avanço 80% mais alta do que a obtida por ferramentas tradicionais, proporcionando melhora nos índices de remoção de cavaco e na vida útil. A Gühring também destaca as inovações na geometria de corte do aparelho, que permite operações de furação, mergulho ou rampa com baixo nível de vibração na evacuação dos cavacos ao ser combinada com um ângulo de hélice desigual de 39/40/41 graus. 

O RF 100 Carbo, na visão da fabricante, é opção ao uso de fresas de PCD e está indicado para os setores automotivo e aeroespacial, principalmente. Para mais informações a respeito do produto, deve-se acessar o site oficial da Gühring: www.guhring.com.br.  

#fresamento #PDC #diamente #acabamento #usinagem #fresa #corte #guhring #industria #automotiva #aeroespacial



Mais Notícias MM



Tecnologia: Impressora 3D aumenta eficiência de implantes dentários

Novo processo que faz uso de pré-formas pode ser adaptado para a série atual da TruPrint 1000, produto da empresa alemã TRUMPF

12/10/2021


Ferramental: novo produto substitui metalização e solda convencional

Lançado no Brasil pela empresa Quimatic Tapmatic, a resina epóxi Plasteel Titanium realiza reparos em peças e equipamentos a frio, permitindo a usinagem da peça em até 1h30

12/10/2021


Gerenciamento: software para suprimento e controle de ferramentas e acessórios

Sistema GTMS, desenvolvido pela fabricante de Gühring, promete reduzir em 15% a 20% os custos com a falta de abastecimento de insumos para a produção

12/10/2021