Mesmo sofrendo com os efeitos negativos da pandemia do coronavírus, a indústria brasileira de máquinas continua em tendência de recuperação econômica, corroborando as expectativas de crescimento para o setor em 2021. Levantamento da Abimaq (Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos) em março revela que a receita do segmento aumentou em 18,9% o resultado de fevereiro e em 28,9% em relação a igual período de 2020. No primeiro trimestre deste ano, segundo a associação, a alta foi de 28%.

O bom desempenho do segmento está relacionado principalmente às vendas realizadas no mercado interno. Em março, as receitas obtiveram índice 21,7% positivo na comparação com fevereiro e 45,1% em relação ao mesmo mês do ano passado. As importações também subiram (29,4% na comparação mensal e 21,4% na interanual). As exportações, por sua vez, registraram lucro de 8,5%: na opinião da Abimaq, este número deve subir ainda mais por causa do aquecimento do mercado internacional, causado pelo aumento da vacinação nos países de Primeiro Mundo.

A capacidade instalada também cresceu em março de 2021, atingindo 76% do total, assim como a carteira de pedidos (6,4%). O patamar é 26,3% maior do que no ano passado, equivalente a 12 semanas.  Em relação aos empregos, a indústria nacional registrou o nono crescimento consecutivo em número de funcionários, chegando a 340 mil pessoas. No comparativo com igual mês do ano passado, houve criação de 38 mil postos de trabalho.

#maquinas #industria #abimaq 

 



Mais Notícias MM



Matéria-prima: aço mostra bons números em outubro de 2021

Produção local do material apresenta crescimento na atividade e nas importações e exportações, entre outros índices, em relação aos índices atingidos no ano passado

23/11/2021


Balanço: setor de máquinas e ferramentas confirma recuperação em setembro

Mercado registra alta em relação ao mesmo período do ano passado, com índices positivos tanto no mercado doméstico quanto externo

09/11/2021


Mercado: setor de autopeças deve obter excelentes números em 2021

Levantamento da Sindipeças aponta que alta dos negócios no setor será de 25,5% em relação ao ano passado, com resultados ainda mais positivos em 2022

28/09/2021