Comemorando meio século de atividade no Brasil, a produtora de motores Cummins está promovendo uma série de mudanças em sua fábrica na cidade de Guarulhos, na Grande São Paulo. Iniciado em maio de 2020, o projeto intitulado Plant Transformation engloba melhorias em softwares, ergonomia, abastecimento de linha, logística e outros setores.

Uma das novidades é a instalação de robôs colaborativos em suas linhas de usinagem e de montagem. No total, 14 cobots passarão a trabalhar na fábrica, sendo que uma delas já está em operação: quatro máquinas serão incorporados à produção ainda em 2021 e as restantes chegarão no ano que vem. Outra modificação consiste na montagem de uma equipe de manufatura destinada somente à produção dos motores Euro VI, visando assegurar a entrega de motores adaptados à nova legislação de emissões de poluentes entre o fim do ano que vem e o começo de 2023. 

Em meio a este processo, a Cummins também incluiu a implantação de um novo sistema de localização de componentes, que permite a nacionalização de peças como cabeçotes. De acordo com a empresa, a meta é ter um índice maior de 50%, garantindo maior agilidade nas operações e aumento de produtividade. 

 

#cummins #robos #fabrica #usinagem #motores #chaodefabrica



Mais Notícias MM



Mercado: setor de autopeças deve obter excelentes números em 2021

Levantamento da Sindipeças aponta que alta dos negócios no setor será de 25,5% em relação ao ano passado, com resultados ainda mais positivos em 2022

28/09/2021


Retificação: com correção automática de perfil, máquina simplifica usinagem de eixos de rotor

Retificadora cilíndrica Jumat, da Junker, foi desenvolvida sob um conceito flexível, e tem capacidade de realizar medição e correção automática do perfil do rebolo. Com ela, foi possível realizar a usinagem completa de um eixo de compressor do tipo parafuso em uma única configuração

20/07/2021


Automação industrial: protocolo facilita programação e integração de robôs com CLPs

Com um padrão de comunicação uniforme, a linha robótica da Comau está integrada com a biblioteca da Siemens Simatic, o que facilita a adoção de robôs articulados por quem já utiliza os controladores lógicos programáveis da marca

20/07/2021