A empresa de transformação de sucata de alumínio Metalex, parte integrante da CBA (Companhia Brasileira de Alumínio), vai investir R$ 50 milhões para instalar uma linha de tratamento de sucata em sua planta na cidade de Araçariguama (interior de São Paulo). O aporte pretende ampliar a capacidade de reciclagem por meio do aumento do uso da sucata de obsolescência.

 A primeira fase do projeto envolve a instalação de um forno sidewell na empresa, prevista para ser concluída no fim de 2021, com a intenção de aumentar a produção de tarugos dos atuais 75 mil para 90 mil toneladas por ano. Na segunda etapa, uma nova linha de reciclagem será implantada até 2023, visando maximizar o consumo de sucata de 60% para 80% no mix de produção dos tarugos. 

As mudanças também têm o objetivo de melhorar os impactos ambientais das atividades da Metalex: quando as obras forem concluídas, prevê-se que a emissão de GEE (gases do efeito estufa) passe a ser de 1,4t CO²e (toneladas de dióxido de carbono equivalente) - tornando-a referência no mercado global.



Mais Notícias MM



Sandvik Coromant divulga serviço de recondicionamento de peças

Fabricante garante que todas as ferramentas inteiriças de metal duro da marca podem ser submetidas a este processo, que pode aumentar a vida útil em até três vezes

23/11/2020


Tornos chega ao Brasil com planos ousados

Com mais de um século de vida, multinacional suíça quer se tornar a principal parceira das grandes líderes do setor de usinagem no mercado nacional até 2024

04/11/2020


Starrett investe pesado no Brasil

Uma das pioneiras na fabricação de serras, ferramentas e equipamentos de medição, companhia fará investimento milionário no mercado local até o fim de 2021

04/11/2020