A AES Corporation anunciou há poucos dias o lançamento do Atlas, um robô que torna mais rápida, eficiente e segura a construção de novas usinas de energia solar fotovoltaica de grande escala. O robô foi projetado pela AES e desenvolvido em cooperação com a Calvary Robotics e outros terceiros.

As equipes da AES usarão o Atlas como ferramenta na construção de novos projetos solares da empresa. “O Atlas complementará nossa força de trabalho, mantendo os trabalhadores seguros e realizando o serviço pesado de levantamento, colocação e fixação de módulos solares, e liberando a mão de obra para novos trabalhos de alta tecnologia”, diz a AES.

Para que os mercados e organizações possam atingir compromissos de emissões líquidas zero, até 2030 serão necessários 455 GW por ano de novas instalações solares globalmente, de acordo com a BNEF. “Nossa indústria corre o risco de não ser capaz de atingir essa meta se continuarmos a adotar energia limpa no ritmo atual”, disse Chris Shelton, vice-presidente sênior e diretor de produtos da AES. “O Atlas, primeiro robô habilitado para IA que automatiza a construção de novos recursos solares, permite, além de um ambiente de trabalho mais seguro, prazos mais curtos e custos gerais mais baixos", afirmou.

Além do Atlas, a AES tem investido em outras inovações para atender às novas necessidades, como a implantação dos robôs da Ecoppia para automatizar a limpeza dos painéis e o investimento na tecnologia Maverick da australiana 5B, que permite a implantação três vezes mais rápida de usinas solares que entregam “o dobro de energia na mesma quantidade de terreno”, diz a AES.


 



Mais Notícias FOTOVOLT



Congresso aprova em dois dias o marco legal da geração distribuída

Nova lei, que pode ser sancionada pelo presidente da República antes do final do ano, deve impulsionar o crescimento do mercado de GD fotovoltaica no primeiro ano.

17/12/2021


Usina solar financiada com moeda digital começa as ser construída

Lançado em 15 de dezembro, projeto é o primeiro de uma série de usinas de 1 MW viabilizadas por meio de taxas de transação de moeda digital.

17/12/2021


Canadian Solar conclui venda de projeto de 635 MWp para a VTRM

Usina solar já possui mais de 40% da capacidade contratada e o restante irá para o mercado livre.

17/12/2021