A rede de materiais para casa e construção Quero-Quero, que atua nos três estados da região Sul do país (Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul), fechou acordo com a francesa GreenYellow para a contratação de 13,5 GWh anuais de energia solar.

O recurso será gerado por seis miniusinas solares fotovoltaicas de geração distribuída da GreenYellow que serão construídas na região. Quando em operação, elas devem garantir 90% da energia demandada pelas lojas da rede varejista.

Segundo a GreenYellow, cinco usinas serão erguidas com 1,38 MWp cada uma, sendo três no Rio Grande do Sul, nos municípios de Santa Cruz do Sul e Venâncio Alves (a terceira ainda não tem local definido); uma no Paraná, em Alto do Paraná; e outra em Santa Catarina, também em município a ser escolhido. A sexta unidade será montada em Guaíba (RS) e terá 830 kWp.

A previsão é que todas as usinas, que somarão 7,73 MWp de potência instalada, gerem 300 empregos durante a fase de construção e sejam conectadas às distribuidoras no segundo semestre de 2022. As seis fazendas solares reunirão mais de 23 770 módulos solares para produzir os 13,5 GWh anuais programados.



Mais Notícias FOTOVOLT



Furnas inaugura projeto de H2 verde com solar FV

Miniusina de 1 MWp vai alimentar eletrolisador na UHE Itumbiara.

09/12/2021


Solar Group atinge 2 GW em suportes para módulos

Ritmo de crescimento elevado faz empresa investir em ampliação de fábricas

09/12/2021


Lemon Energia amplia GD solar para bares e restaurantes

Em parceria com hub de tecnologia da Ambev, startup quer conquistar mais de 95 mil estabelecimentos comerciais em Minas Gerais.

09/12/2021