A Royal Dutch Shell Plc assinou acordo com a desenvolvedora de energia renovável Island Green Power para desenvolver projetos solares fotovoltaicos agregados a armazenamento em baterias, inicialmente com mais de 700 MW de capacidade de geração. A Shell também firmou parceria com a Clearstone Energy para desenvolver vários projetos de energia solar fotovoltaica no sudeste da Inglaterra, com capacidade total de 100 MW, também com sistemas de armazenamento, os quais permitirão à empresa gerar energia renovável próxima à demanda dos clientes.

Segundo David Bunch, presidente da Shell UK, a empresa está construindo um negócio integrado de energia que abrange geração renovável, comercialização e fornecimento de energia limpa para empresas e demais consumidores. A gigante de petróleo e gás estabeleceu meta global de ter emissões líquidas zero até 2050, para a qual o aumento da geração de energia renovável será fundamental.

Na semana passada, a Island Green Power revelou planos para instalar mais de 1 GW de capacidade solar fotovoltaica (também equipados com sistemas de armazenamento de energia)  no lugar de dois complexos de geração a carvão, em Cottam (600 MW) e West Burton (480 MW), na região de East Midlands, Inglaterra. As plantas de carvão pertencem à concessionária francesa EDF. A primeira já está inativa e a segunda deverá ser fechada no ano que vem. A Island Green Power pretende iniciar em 2024 a construção das plantas solares FV, que usarão a mesma infraestrutura de conexão à rede que atendia as usinas a carvão.



Mais Notícias FOTOVOLT



Portuguesa Galp inicia atuação em solar no Brasil comprando 594 MWp

Empresa de soluções energéticas quer aumentar participação de renováveis em seu portfólio.

21/10/2021


Exército realiza simpósio gratuito online de energia solar

Com 30 palestrantes, o evento é aberto à participação do público, que acompanhará a programação pela Internet.

21/10/2021


Solfácil abre linha para financiar solar em propriedade rural

A fintech também inaugurou um marketplace específico para integradores.

21/10/2021