Um novo centro de treinamento avançado de eletricistas vai ser inaugurado até novembro em Goiânia (GO). Fruto de uma parceria entre a Enel Distribuição Goiás, a Fieg - Federação das Indústrias do Estado de Goiás e o Senai, o empreendimento envolve o investimento de R$ 10 milhões, sendo R$ 7 milhões da concessionária e o restante do Senai.

O centro, já em estágio adiantado de obras, ficará na Faculdade Senai Ítalo Bologna, na capital goiana, e terá para capacidade para atender até 100 alunos por dia em cursos de formação e capacitação de mão de obra. A ideia é preparar os técnicos para atuar em sistemas de rede modernos. 

Segundo a Enel, nas instalações haverá uma rede piloto completa, com toda a cadeia de distribuição de energia, desde a alta tensão até os medidores, para permitir na prática o estudo dos principais elementos dos sistemas. Além disso, estão sendo implantados equipamentos de automação de rede. Entram nesse portfólio tecnológico desde subestações compactas, aparelhos de telecontrole para intervenções remotas até uma sala de realidade virtual para simular intervenções na rede e procedimentos de segurança do trabalho. 

Para a Enel, a iniciativa vai ao encontro de sua necessidade de mão de obra local mais bem qualificada, demanda que percebeu ao assumir a distribuição no estado em 2017, quando adquiriu a Celg por R$ 2,2 bilhões. Isso fez o grupo italiano, desde aquele ano, montar 23 centros de formação e de capacitação de eletricistas no estado, oito deles em conjunto com o Senai.

Essas iniciativas, de acordo com a Enel, já formaram 195 profissionais, de forma gratuita, e 22 turmas estão em processo de formação, com mais de 500 alunos. Além disso, mais de 3 mil profissionais foram requalificados dentro dos padrões de qualidade e segurança da empresa. O novo centro de treinamento visa ampliar esse número nos próximos anos, uma demanda ainda em alta para a distribuidora, que atende 237 municípios de  Goiás, o equivalente a 98,7% do território estadual, em uma área total de 336.871 km², sendo que a região metropolitana de Goiânia representa a maior concentração do total de 3 milhões de clientes atendidos.



Mais Notícias EM



Consumo de energia aumentou em março

Mesmo com agravamento da pandemia e maior distanciamento social, consumo foi 5,5% maior do que março do ano passado.

16/04/2021


Enel adota aplicativo para pagamento de conta de luz em SP

Distribuidora fechou parceria com a PicPay e concede créditos para primeiros consumidores que adotarem o pagamento digital.

16/04/2021


2W Energia capta recursos para erguer eólica

Financiamento da gestora Darby será para o complexo Anemus, no Rio Grande do Norte.

16/04/2021