As doações das empresas de energia e dos fabricantes da área elétrica têm sido feitas em dinheiro, materiais, equipamentos, cestas básicas, kits de higiene e limpeza, além de diversas outras ações que mostram engajamento com as populações das localidades onde atuam. Abaixo, destacamos algumas dessas importantes iniciativas.

Statkraft Brasil – A geradora de energia elétrica renovável fará doações a instituições de Santa Catarina, sede da companhia, Rio de Janeiro, onde fica o escritório de comercialização de energia, e na Bahia e no Espírito Santo, onde tem projetos. Vai doar ao SUS o valor necessário para produção de 4 mil testes moleculares e rápidos para a detecção do coronavírus, que serão fabricados pela Fiocruz. A ação faz parte do movimento #energiapracuidar, que conta com a participação de outros agentes do setor elétrico. A empresa também fará contribuições em estados onde tem ativos: 6 mil kits de higiene em quatro cidades do Espírito Santo; três “nobreaks” (UPS), quatro impressoras 3D e um molde de injeção à Universidade Federal Fluminense, para produção de escudos de proteção facial que serão destinados aos profissionais de hospitais, UPAs e corpo de bombeiros do Rio de Janeiro; materiais para a construção de ventiladores pulmonares à Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC); entre outras.

Prysmian – Em parceria com a Associação Expedicionários da Saúde (EDS), o Grupo Prysmian realizou a doação de cabos elétricos para um hospital de campanha que está em fase de implementação no estacionamento do Hospital das Clínicas da Unicamp - Universidade de Campinas, interior de São Paulo. Além disso, a empresa está engajada na doação de equipamentos de proteção individual para a Santa Casa e o Corpo de Bombeiros de Sorocaba - SP, assim como a desinfecção de veículos de emergência desta instituição. Já em Poços de Caldas - MG, doou à Irmandade de Santa Casa aproximadamente 10 mil metros de cabos elétricos para a reforma de 12 quartos subutilizados e também para a conclusão da UTI Neonatal, que foi adaptada para UTI de atendimento adulto, totalizando 17 novos leitos para atendimento médico do SUS e convênios.

ONS – O Operador Nacional do Sistema Elétrico distribuiu no início de maio 1800 kits de higiene e limpeza para moradores da Cidade Nova, Estácio, Praça Onze e do complexo do São Carlos, no Rio de Janeiro. A campanha, chamada de "Operação de Casa", foi realizada em conjunto com o Instituto Meta Educação. Os kits continham itens como água sanitária, álcool, sabonete, entre outros. O ONS também lançou esta semana, em parceria com o Instituto Meta Educação e a Baluarte Cultura, uma ação voluntária da “Operação do Bem”' para um financiamento coletivo (http://benfeitoria.com/rede-do-bem-em-operacao-fkw). A ação estimula a contribuição espontânea dos empregados, família, amigos e parceiros do ONS, e os valores arrecadados serão distribuídos para instituições do segmento de educação que já tenham vínculo com o ONS por meio do programa de voluntariado, localizadas em Florianópolis, Recife, Brasília, Goiânia e Rio de Janeiro.

Equatorial – O Grupo Equatorial Energia doou R$ 5 milhões ao Governo do Pará, para serem aplicados na manutenção dos quatro hospitais de campanha que já estão ativos nas cidades de Belém, Marabá, Santarém e Breves. Juntas, as unidades possuem mais de 700 leitos para atender pessoas em situação grave da doença. No mês passado, em parceria com o governo, a empresa doou 35 mil litros de água sanitária e 27,5 mil litros de detergente para melhorar as condições de higienização de pessoas em situações de risco. Também foram entregues 45 toneladas de alimentos para ajudar as famílias em dificuldades por causa da interrupção de suas atividades profissionais. O grupo tem feito ainda doações de alimentos e kits de higiene para pessoas em vulnerabilidade social, e ainda materiais para hospitais em outros estados onde atua, como Maranhão, Alagoas e Piauí.

Enel São Paulo – Além de apoiar a doação de 179 cestas básicas e kits de higiene e limpeza para as famílias de crianças matriculadas no Centro Educacional Infantil Luz e Lápis, da qual é mantenedora, a Enel Distribuição São Paulo doou seis mil frascos de 30 ml de álcool em gel, 4,2 mil máscaras de proteção artesanais e 840 cestas básicas para comunidades da Zona Sul da Capital Paulista: Paraisópolis, Heliópolis, Jardim Umuarama, Vila Prel e Boulevard da Paz. Foram confeccionadas 7250 máscaras por 38 costureiras dos grupos produtivos Charlote, Divina Criação, Costurando Sonhos e Nova Heliópolis, que participam do projeto Enel Compartilha Empreendedorismo, desenvolvido pela companhia para promover a geração de renda em comunidades. Das máscaras confeccionadas, 800 foram entregues a agentes voluntários de saúde e economia que atuam em Paraisópolis e Heliópolis, e as demais destinadas às associações de bairro que participam de ações sociais da companhia em municípios da Grande São Paulo.

WEG – Em parceria com a Prefeitura de Jaraguá do Sul, a WEG acaba de lançar um aplicativo de triagem que será operado pela Secretaria de Saúde do município, para ajudar na identificação e monitoramento de pacientes com Covid-19 na cidade. O aplicativo vai indicar quem deve procurar a rede de saúde do município. Também vai mostrar as estatísticas do informe epidemiológico (quantidade de casos confirmados, suspeitos, descartados, recuperados e em análise) e enviar aos usuários notificações lembrando da realização diária de autoavaliação. Gratuito e disponível nas versões Android e iOS, o aplicativo Covid Monitor foi desenvolvido e doado à prefeitura para auxiliar a rede de médicos, enfermeiros, técnicos e demais profissionais de saúde da cidade. Pode ser acessado periodicamente por todos, a fim de detectar possíveis sintomas da doença. A empresa segue fabricando álcool gel para abastecer os hospitais de Jaraguá do Sul e Guaramirim e se prepara para entregar nas próximas semanas as primeiras 50 unidades dos 500 ventiladores pulmonares que está produzindo, por meio de um acordo com a Leistung Equipamentos, para serem usados por pacientes em recuperação da doença.

Por outro lado, a WEG vem sentindo os impactos da pandemia em seus negócios. Em 18 de maio, comunicou ao mercado que reduzirá em 25% a jornada de trabalho e os salários dos empregados das suas unidades de motores de Jaraguá do Sul e Itajaí, e dos profissionais administrativos das áreas corporativas de Jaraguá do Sul, durante os meses de junho a agosto de 2020, com base na Medida Provisória nº 936, de 1º de abril de 2020. Desde o início de maio, as medidas de adequação já atingiam os empregados da unidade de tintas e vernizes em Guaramirim - SC, com 25% de redução, e da unidade de motores comerciais e appliance em Linhares – ES, redução de 50%. As medidas até aqui anunciadas atingem ao todo 12 mil colaboradores da empresa.



Mais Notícias EM



Novo disjuntor de estado sólido é aprovado pela UL nos EUA

Empresa consolida segunda geração de seu disjuntor totalmente digital e faz investida pesada no mercado de mobilidade elétrica. Dispositivo pode ser até 3000 vezes mais rápido que os termomagnéticos.

03/07/2020


Conta COVID: lista dos bancos participantes chega à CCEE

Câmara aguarda declarações das distribuidoras interessadas em aderir à medida. Primeiros repasses devem ocorrer ainda este mês.

03/07/2020


Belo Horizonte já modernizou 95% de sua iluminação pública

Empresa parceira da PPP com a prefeitura pretende concluir a instalação de luminárias LED em 100% dos pontos de luz até outubro. Sistema conta com telegestão e telemedição. Contrato de operação é de 20 anos.

03/07/2020