A Engie abriu chamada pública para compra de energia no mercado livre, proveniente de fonte incentivada especial de geração solar e eólica, de empreendimentos com potência injetada menor ou igual a 50 MW. A energia deverá ser entregue no submercado Sudeste/Centro-Oeste ou Nordeste, mas o empreendimento pode estar localizado em qualquer região, sendo que 100% da energia produzida será comercializada.

É mandatório que a energia comercializada tenha 50% de desconto nas tarifas de uso dos sistemas de distribuição e transmissão (TUSD/TUST), incidindo na produção e no consumo. Os prazos previstos dos contratos de compra de energia (PPA) são de 15 anos, para o período de janeiro de 2024 a dezembro de 2038, e de 10 anos, entre janeiro de 2024 e dezembro de 2033.

A habilitação de empresas interessadas deve ocorrer até o próximo dia 23 de agosto com a entrega dos termos de adesão e com as propostas comerciais em 1° de setembro. O processo foi aberto em 27 de julho e todos os documentos e orientações necessárias estão disponíveis no site  https://www.engie.com.br/chamada-publica-energia-02-21/



Mais Notícias EM



Fluke lança alicate amperímetro com iFlex que oferece medições rápidas e seguras em ambientes de 1.500 V CC

A garra fina do novo medidor, classificação de segurança CAT III 1.500 V e classificação IP54 para poeira e água, tornam o Fluke 393 FC CAT III 1.500 V True-RMS ideal para instalação e solução de problemas em ambientes solares

24/09/2021


Eletrotec terá minicursos de alto nível técnico – o primeiro é “Aterramento e equipotencialização”

Com o objetivo de atualizar conhecimentos em importantes áreas das instalações elétricas, evento terá quatro minicursos, além de painéis que fornecerão um panorama sobre as revisões de diversas normas de instalações, SPDA e geradores solares.

24/09/2021


Programa de redução voluntária tem 442 MW de ofertas aceitas

Volume foi programado para setembro, com ofertas de redução de vários setores industriais

24/09/2021