Com o avanço no Congresso Nacional do Projeto de Lei 5829/19, que criará as regras definitivas para o setor de geração distribuída de energia no Brasil, é esperada uma intensificação da corrida por instalações de sistemas fotovoltaicos no curto prazo, de modo a garantir o “direito adquirido” de compensação total de créditos até 2045.

As empresas integradoras, portanto, verão crescer o número de pedidos e precisarão aumentar a velocidade do atendimento. “Com isso vem a tendência de trabalhar de forma ‘automática’, tentando transformar os projetos em produtos de prateleira, o que causa problemas operacionais, retrabalho, erros, baixa qualidade das entregas e projetos, além de prejudicar o ambiente de trabalho”, diz o especialista em geração distribuída Vitor Pacheco, um dos palestrantes do webinar Projetos fotovoltaicos – Eficiência operacional em integradoras, realizado pelas revistas FotoVolt e Eletricidade Moderna no próximo dia 7 de outubro, às 18h00, com transmissão gratuita no Canal de Youtube da Aranda Eventos.

O webinar vai ajudar o integrador a otimizar sua eficiência operacional, abordando a diferença entre projetos e processos, a importância de tratar de forma detalhada todo o ciclo de vida do projeto da usina, as diferenças entre escopo de produto e de projeto, a definição correta do escopo, a conexão entre os processos comercial e operacional, e a relação entre crescimento das empresas e problemas operacionais.

Para ilustrar com um caso real, na segunda parte do webinar o diretor da empresa Mi Omega, João Gilberto Cunha, vai apresentar o projeto de uma usina FV de mais de 1000 kVA que foi planejada, executada e entregue segundo os critérios de gerenciamento e otimização abordados por Vitor.

Vitor Pacheco, engenheiro eletricista, gerente de projetos e consultor no mercado de geração distribuída, tem atuado intensamente em consultoria para empresas integradoras, focada em melhorias de processos internos e metodologia adequada para gerenciamento de projetos. Já  o engenheiro João Cunha, diretor da Mi Omega e da MO Energy, além de diretor técnico da Abracopel - Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade, é membro ativo, entre outras, das comissões das normas da ABNT NBR 16690 – “Instalações elétricas de arranjos fotovoltaicos - Requisitos de projeto” e NBR 5410, de instalações elétricas de baixa tensão, ambas ora em revisão.

Eletrotec e Intersolar - Estas normas e outras normas técnicas atualmente em revisão, como a NBR 5419, de proteção contra raios, serão objeto de painéis do próximo congresso Eletrotec-EM Power (São Paulo, 18 a 20 de outubro), em que os responsáveis pela revisão darão uma visão panorâmica dos trabalhos de normalização e sobre o que poderá mudar nessas normas. O Eletrotec-EM Power é composto por congresso e feira e faz parte do grande evento The Smarter-E South America, que abrange também o maior congresso e feira da área de energia fotovoltaica da América Latina, a Intersolar South América 2021. Todos acontecerão conjuntamente em São Paulo em outubro próximo.

As revistas Fotovolt e EM da Aranda Editora já realizaram até o momento 50 webinars, e todos estão gravados e disponíveis na íntegra, com livre acesso, no canal de Youtube da Aranda Eventos: https://www.youtube.com/playlist?list=PLUR9G_mGGGNDlxNA2kQLmEr4vQsM3mfP9

 

Serviço:

Webinar Projetos fotovoltaicos – Eficiência operacional em integradoras

Data: 7 de outubro, 18h00

Local: Canal de Youtube Aranda Eventos

Inscrições gratuitas em https://oferta.arandanet.com.br/51o-webinar-em.

 

The Smarter-E South América 2021 – Congressos e feiras Intersolar e Eletrotec EM-Power South America

Data: 18 a 20 de outubro de 2021

Local: Expo Center Norte, São Paulo

Informações e inscrições: https://www.thesmartere.com.br/



Mais Notícias EM



EDP Brasil arremata transmissora Celg-T

Com ágio de 80,1%, grupo vence leilão do governo goiano com lance de R$ 1,977 bilhão

15/10/2021


Ceará atrai mais quatro empresas para hub de hidrogênio verde

Com as novas assinaturas de protocolos, nove grupos já têm planos de produzir o combustível verde no Pecém

15/10/2021


Projetos de energia lideram em emissões de debêntures incentivadas

No acumulado do ano, houve 175 projetos aprovados. Até agosto o valor das emissões chegou a R$ 16,4 bilhões

15/10/2021