A Metro Network, de Balneário Camboriú, SC, acaba de lançar o primeiro coworking do Brasil especializado em provedores de Internet. “Criamos valor para que provedores de todo o território nacional possam usufruir de mão de obra especializada em São Paulo no modelo 24x7”, diz Pedro Angones, diretor da Metro Network. O espaço fica localizado na Verbo Divino com a Nações Unidas, na Chácara Santo Antonio, região conhecida pela elevada concentração de empresas de telecomunicações.

O coworking reúne todas as funcionalidades de um escritório comercial, com recepção, posições de trabalho e salas de reuniões, mas com recursos específicos para o provedor de Internet, como racks para hospedagem de equipamentos, conectividade de alta capacidade e equipes especializadas.

Segundo Angones, muitos provedores querem abrir escritórios em São Paulo para ter um local onde possam alocar equipes comerciais e fazer reuniões quando seus diretores estão na cidade. No espaço compartilhado, além de reduzir os custos com aluguel e infraestrutura, o provedor poderá ainda hospedar os equipamentos de borda e contar com o suporte de técnicos que conhecem de perto seu ambiente de rede. “Não é necessário colocar os equipamentos em um data center terceirizado, com acesso às instalações, agilidade e mão de obra de manutenção mais restritos”, diz.

A Metro Network possui uma conexão redundante ao IX-SP com porta de 100 Gbit/s. Com isso, o cliente do coworking pode se conectar diretamente ao IX-SP e participar da infraestrutura já existente, com acesso rápido à capilaridade de outros participantes. “Temos um custo muito baixo de Golden Jump em comparação com os data centers do mercado”, diz o diretor.

A Metro Network mantém sua equipe de NOC 24 horas por dia à disposição do provedor, que poderá ter acesso a todos os recursos sem se preocupar com burocracia. O coworking já está aberto e em operação. “Antes mesmo do lançamento oficial já tínhamos contratos assinados com empresas do Nordeste e do Sul”, afirma Angones.



Mais Notícias RTI



Silica Networks anuncia projeto de cabo submarino de 1026 km até a Antártica

Filiais do Brasil, Argentina e Chile participam do estudo do projeto que liga o extremo sul do continente ao Polo Sul.

19/04/2021


Sanepar estuda compartilhamento de rede de esgoto com fibra óptica

Ideia é aproveitar a capilaridade dos 38.464 km de tubulação no Paraná.

19/04/2021


Comba Telecom desenvolve solução Open-RAN multibanda e multi-RAT

Plataforma destina-se a frequências de 1800 e 2100 MHz.

19/04/2021