O Ministério das Comunicações reconheceu como prioritário para o país o projeto da TIM para ampliar os investimentos em sua infraestrutura de telecomunicações. Assim, nos termos da Lei nº 12.431, de 24 de junho de 2011, a companhia poderá emitir debêntures incentivadas, em valores de até R$ 5,75 bilhões, para implantar, ampliar, manter, recuperar e modernizar a rede de transporte, a rede de acesso fixo e móvel, o data center, a rede de comunicação máquina a máquina, a rede 5G ou superior e a infraestrutura para virtualização de rede de telecomunicações.
Segundo a empresa, a aprovação do projeto pelo Ministério das Comunicações corrobora com o compromisso de ampliar suas redes no próximo triênio, objetivando soluções inovadoras e serviços ainda mais qualificados para os usuários. Reforça, ainda, a intenção de uso de novas tecnologias, a exemplo do 5G, que ajudarão a impulsionar o desenvolvimento tecnológico do país.



Mais Notícias RTI



Naxi lança planos de Internet de até 6 Gbit/s para clientes residenciais

Provedor de Jaraguá do Sul utiliza tecnologia XGS-PON da Venko Networks.

14/01/2022


Santa Catarina terá programa para levar fibra óptica ao meio rural

Investimentos previstos são de R$ 100 milhões nos próximos dois anos.

14/01/2022


Scala Data Centers inicia construção simultânea de dois data centers no Brasil

Sites entrarão em operação ainda em 2022.

18/01/2022