Para ampliar a cobertura e a capacidade de transmissão das redes ópticas DWDM - Dense Wavelength Division Multiplexing no Rio de Janeiro e Espírito Santo, a operadora Altarede Corporate fez um investimento recorde, da ordem de R$ 5 milhões, nas novas gerações de transponders de 200 e 800 Gbit/s da Padtec. O objetivo é garantir conexões de alta capacidade a seus clientes, como operadoras, provedores de Internet, governo e o mercado corporativo.

Mario Benech Gulla, CTO da Altarede Corporate, ressalta que, ao longo de 2020, a operadora investiu no aumento da capacidade de transmissão de sua infraestrutura de rede, preparando-a para atender rapidamente ao crescimento expressivo do tráfego de dados decorrente do isolamento social. “Mapeamos os principais pontos de conexão e montamos um plano estratégico de contingência. No total, fizemos um investimento de mais de R$ 10 milhões para a modernização da rede, que incluiu a aquisição das soluções da Padtec, instalação de novos POPs, lançamento de cabos ópticos e adequação da infraestrutura de forma geral”, conta o executivo.

“A transformação digital das empresas, as novas tendências de educação a distância e o aumento expressivo do uso de streaming de vídeo são sinais de um novo tempo. A Altarede está preparada para oferecer banda larga de altíssima capacidade para atender às demandas por novos serviços, que vão continuar após o fim do isolamento social, com as mudanças nos hábitos das pessoas”, afirma o executivo. “A solução DWDM preparou nossa rede óptica para um crescimento escalável e flexível da capacidade de tráfego de dados, acompanhando o aumento da demanda e expansão no mercado”, completa.

Para iluminar as novas rotas da operadora, instaladas entre as capitais do Rio de Janeiro e Espírito Santo, a Padtec forneceu sistemas DWDM com tecnologia ROADM - Reconfigurable Optical Add-Drop Multiplexer, que adiciona mais flexibilidade no direcionamento do tráfego das redes ópticas, transponders de 200 e 800 Gbit/s, amplificadores ópticos e sistemas de proteção de rota, com trechos que garantem o tráfego de dados a 300 Gbit/s.

A parceria entre as empresas compreende ainda a prestação de serviços, pela Padtec, na área de gestão da operação das redes ópticas da Altarede, o que inclui suporte técnico e monitoramento da malha óptica da operadora, por meio de seu NOC - Centro de Operações de Rede. “A oferta de uma solução completa de serviços de telecomunicações, que envolve desde o planejamento do sistema até a instalação, operação e manutenção das redes, acrescenta mais solidez ao nosso portfólio”, destaca Argemiro Sousa, diretor de Negócios da Padtec.

Com quase 20 anos de mercado, Altarede Corporate conta hoje com mais de 10 mil km de backbone óptico em mais de 300 localidades, como Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo, Bahia, Boa Vista, Manaus e Fortaleza, e presença nos principais data centers e land stations (pontos de chegada dos cabos submarinos nacionais e internacionais).






Mais Notícias RTI



Viavi Solutions realizará Virtual Xperience Day 2021

Evento acontece quarta e quinta-feira, a partir das 14 horas.

02/03/2021


Equinix investe R$ 320 milhões na expansão de data center em Barueri

Melhorias no SP4 incluem o aumento da área de colocation.

01/03/2021


Incidência de ataques DDoS foi três vezes maior em 2020 que no ano anterior

Estudo realizado pela UPX mostra que os provedores são os principais alvos.

01/03/2021