A Positivo Servers & Solutions, marca de servidores da Positivo Tecnologia, antiga Accept, comprada em 2018, divulgou dados do mercado referentes ao período de janeiro a setembro de 2020.

Segundo CEO da Positivo Servers & Solutions, Silvio Campos, foi observada maior demanda das empresas para projetos de hiperconvergência. Os setores que mais solicitaram foram, em primeiro lugar, o de saúde (30%), seguido de governo (24%) e de energia (23%). O segmento de data center privado teve uma participação de 10% nas demandas, com destaque para indústria.

O executivo acredita que o setor de saúde teve destaque na adoção por conta da pandemia. Porém, algumas outras áreas que ficaram represadas durante a pandemia, como é o caso de governo, começaram a se movimentar no último trimestre do ano.

Em 2020, também foi possível notar a atenção que as grandes empresas de cloud tiveram com a computação híbrida, integrando o processamento on premises com a cloud pública. A adoção de appliances hiperconvergentes que permitem a integração com a nuvem pública cresceu em 2020. Para 2021, pesquisas demonstram que esse tipo de adoção continuará crescendo. Ele lembra a importância da computação híbrida para a segurança das informações e proteção de dados, e que a inteligência artificial é grande aliada no gerenciamento do que deve ser on premises e/ou que deve ser processado em nuvem.

A Positivo Servers & Solutions é especializada na produção e comercialização de servidores, storage, mini PCs e soluções de infraestrutura de TI para negócios e serviços. Desde 1988, oferece soluções para pequenas, médias e grandes empresas, além de instituições de ensino e entidades governamentais. Faz parte da Positivo Tecnologia, fabricante brasileira de computadores, celulares, tablets, acessórios, softwares educacionais e dispositivos para casas e escritórios inteligentes. Em dezembro de 2018, ainda sob a denominação Accept, foi comprada pela Positivo Tecnologia para complementar portfólio.



Mais Notícias RTI



Silica Networks anuncia projeto de cabo submarino de 1026 km até a Antártica

Filiais do Brasil, Argentina e Chile participam do estudo do projeto que liga o extremo sul do continente ao Polo Sul.

19/04/2021


Sanepar estuda compartilhamento de rede de esgoto com fibra óptica

Ideia é aproveitar a capilaridade dos 38.464 km de tubulação no Paraná.

19/04/2021


Comba Telecom desenvolve solução Open-RAN multibanda e multi-RAT

Plataforma destina-se a frequências de 1800 e 2100 MHz.

19/04/2021