A American Tower do Brasil, operadora e desenvolvedora de infraestrutura, anuncia a ativação de sua primeira planta solar em Minas Gerais para atender a 100% do consumo da rede de fibra óptica. A usina tem capacidade inicial instalada de 1,7 MWp (poderá atingir 3 MWp com novas expansões), composta por 4920 painéis solares e está diretamente conectada à rede pública de distribuição de energia elétrica. O projeto foi desenvolvido em parceria com a empresa CGC Energia, de São José do Rio Preto, SP.

“Utilizar esta fonte de energia renovável evitará a emissão de 255 toneladas de CO2 na atmosfera anualmente, reduzindo ainda mais a pegada de carbono da operação no Brasil”, afirma Abel Camargo, Vice Presidente de Estratégia e Novos Negócios da American Tower do Brasil. A planta solar está localizada no Triângulo Mineiro, que possui bons índices de irradiação solar.

O plano de expansão da planta, que está em andamento, deve permitir que a empresa atenda totalmente a demanda de consumo da rede da operação de fibra óptica da American Tower para 2021 e comece a gerar energia excedente para o uso compartilhado com clientes.  Além da rede neutra FTTH, a planta solar pode atender a outras soluções da companhia, como o iSite, uma estrutura compacta que agrega sistema irradiante, fibra óptica e sistema de energia pronta para receber os equipamentos das operadoras, voltada para adensamento de rede em ambientes urbanos.

Recentemente, a empresa expandiu sua rede de fibra óptica neutra em Minas Gerais com a ampliação da cobertura de rede, abrangendo 15 novas localidades e novas rotas de backbone, somadas ao crescimento de cobertura nas cidades, que atualmente representam mais de 17 mil km de rede óptica construída.

A American Tower fornece rede neutra de acesso com tecnologia GPON, cujo objetivo é disponibilizar a infraestrutura de acesso para as operadoras de telecomunicações, de modo que elas possam, por sua vez, oferecer conexão de banda larga para seus clientes residenciais e empresariais. A rede neutra FTTH da empresa continua a expandir e foi a grande motivadora da iniciativa de lançamento da planta solar. 

Com matriz em Boston, EUA, a American Tower do Brasil, subsidiária da American Tower Corporation, um dos maiores fundos de investimentos imobiliários globais, é proprietária independente, operadora e desenvolvedora de infraestrutura multicliente para comunicações e transmissão sem fio. O portfólio conta com mais de 19 mil sites de comunicações no Brasil, uma operação de fibra óptica em Minas Gerais e uma rede nacional para IoT LoRaWAN Em todo o mundo, opera cerca de 180 mil estações de comunicação sem fio. A sede da American Tower do Brasil fica em São Paulo.



Mais Notícias RTI



Silica Networks anuncia projeto de cabo submarino de 1026 km até a Antártica

Filiais do Brasil, Argentina e Chile participam do estudo do projeto que liga o extremo sul do continente ao Polo Sul.

19/04/2021


Sanepar estuda compartilhamento de rede de esgoto com fibra óptica

Ideia é aproveitar a capilaridade dos 38.464 km de tubulação no Paraná.

19/04/2021


Comba Telecom desenvolve solução Open-RAN multibanda e multi-RAT

Plataforma destina-se a frequências de 1800 e 2100 MHz.

19/04/2021