A PWTech, startup de tecnologia da ParqTEC de São Carlos, SP, desenvolveu o sistema portátil PW5660, capaz de produzir até 5000 litros de água potável por dia. Opera com diferentes tipos de energia (elétrica, fotovoltaica, baterias) e oferece vantagens como baixo custo de manutenção (R$ 0,005/litro), fácil instalação e operação, além de baixo peso (aproximadamente 12 kg) e dimensões (80 x 50 x 40 cm), podendo ser transportado facilmente atender comunidades com até 144 pessoas.

“O sistema fornece água potável para comunidades com disponibilidade hídrica e que, na maioria das vezes, não têm acesso à rede de distribuição convencional”, diz o CEO Fernando Silva. Apresenta-se também como uma solução em caso de desastres naturais e para os mercados de construção civil (canteiros de obras) e pecuária (confinamento e desmame de bezerros). Recentemente, a empresa fechou um contrato de fornecimento dos equipamentos para o IBAMA e ICMBio. Os equipamentos estão sendo utilizados para suprimento de água potável aos brigadistas, no combate e prevenção de incêndios.

Baseado em uma sequência de filtros particulados e membranas de ultrafiltração, o PW5660 tem capacidade de remover 100% de vírus e bactérias da água e reduzir até 99% de particulados, Classe 1 ou 2 (com turbidez de até 15 NTU), que torna potável águas de rios, lagos, poços e cisternas.

Em parceria com o Senai/SEBRAETECH foi desenvolvido um medidor de vazão de água em tempo real que permite acompanhamento do sistema diretamente pelo aplicativo no celular.



Mais Notícias HYDRO



Portaria legaliza o uso de poços e águas subterrâneas

Segundo a ABAS, a GM/MS 888 corrige distorções e traz avanços importantes.

15/06/2021


Assembleia Legislativa de São Paulo aprova criação de unidades regionais de saneamento

Projeto impõe metas de universalização de água e esgoto no Estado.

15/06/2021


BNDES fará estudos para ampliar saneamento no Paraíba

Banco assinou contrato de estruturação de projeto com o Governo do Estado.

15/06/2021