A Sabesp está ampliando o sistema de esgotamento sanitário em Guarulhos, SP, e por isso segue na execução de obras na região. O contrato de programa, assinado em dezembro de 2019 com a Prefeitura de Guarulhos, possibilitará investimentos totais de mais de R$ 1,97 bilhão pela companhia, ao longo dos 40 anos do contrato, dos quais R$ 1,2 bilhão para obras de infraestrutura exclusivas em Guarulhos, R$ 492 milhões em ampliações de redes e ligações e R$ 250 milhões nas estações de tratamento (ETEs).

A Sabesp já iniciou a implantação de coletores que transportarão os esgotos de suas redes para uma ETE.

Atualmente existem três ETEs em Guarulhos (São João, Bonsucesso e Várzea do Palácio) e duas em São Paulo (Parque Novo Mundo e São Miguel), que receberão os esgotos de Guarulhos. As cinco estações estão preparadas para receber e tratar os efluentes.

Ainda estão previstos para os próximos anos mais três novos equipamentos para tratar todo o esgoto de Guarulhos, sendo que o primeiro deles já está em contratação para atender a região central e os outros dois contemplarão a região do Cabuçu e Jardim Fortaleza.

Desde o início da operação da Sabesp no município (dezembro 2018) já foram executadas 21 mil ligações de esgoto e até o final deste ano serão somadas mais 35 mil, após a conclusão da execução de 30 mil metros de coletores. Até 2022, a companhia deve atingir a meta de 60% de esgoto tratado, promovendo assim benefício direto para 850 mil pessoas.



Mais Notícias HYDRO



Projeto do Museu Água em São Paulo está aberto para patrocinadores

Empresas apoiadoras podem usar leis de incentivo fiscal.

22/06/2021


Tigre aposta em saneamento com oferta de estação de tratamento de esgoto unifamiliar

Solução reduz o custo de implantação em 40% e de operação em 30% comparado ao conceito tradicional.

22/06/2021


Sabesp automatiza processo de pesagem

Com as soluções da Toledo, há melhor controle da entrada e saída dos materiais, em especial de produtos químicos.

22/06/2021