Para acompanhar o adiamento do 50º Congresso Nacional de Saneamento da Assemae, que será realizado de 9 a 11 de novembro de 2020, em Gramado, RS, o IV Prêmio Startup Assemae também passou por alterações.  Agora, as startups com projetos inovadores na área de saneamento básico podem se inscrever até o dia 17 de julho. Já o resultado dos projetos selecionados será divulgado em 10 de agosto.

O prêmio destina-se a empresas formalmente constituídas, consideradas como startups, ou empreendedores (na condição de pessoas físicas) que ainda estão construindo seus negócios, isto é, que não possuem CNPJ. As inscrições podem ser feitas individualmente ou por equipes de até três pessoas, sejam físicas ou jurídicas.

Os projetos devem abordar ou ter impacto em temas do saneamento básico, a exemplo de abastecimento de água, esgotamento sanitário, drenagem urbana, eficiência energética, educação ambiental, redução de perdas de água ou gestão integrada de resíduos sólidos, bem como em assuntos relacionados à gestão e operação dos serviços de saneamento básico.

Os candidatos precisam preencher o formulário de inscrição disponível no site do Congresso da Assemae e apresentar, na forma de plano de negócio, uma proposta de novo produto, processo, serviço ou tecnologia. O item descrito deve ter impacto no cotidiano dos serviços de saneamento básico, fomentando soluções ou o incremento de eficiência para algo já existente, desde que seja mensurável e significativo.

A iniciativa acontece em duas fases: na primeira, o projeto será analisado sob o ponto de vista da viabilidade técnica. As oito primeiras equipes classificadas seguem para a fase de julgamento, que ocorrerá durante o 50º Congresso da Assemae. No dia 11 de novembro, a comissão julgadora escolherá as três equipes vencedoras do Prêmio, considerando a defesa do projeto, o estágio de desenvolvimento e validação da ideia, o grau de atratividade e potencial de aplicação no mercado, o perfil empreendedor e o impacto nos serviços de saneamento básico.



Mais Notícias HYDRO



BRK Ambiental se posiciona com relação ao novo marco do saneamento

Grupo deve investir pelo menos R$ 20 bilhões ao longo da vigência de seus contratos atuais.

30/06/2020


Mirassol e Palestina atingem um dos menores índices de perdas de água do Brasil

Com base em estudo recente do setor, municípios paulistas registraram índice de perdas abaixo da média nacional.

30/06/2020


ANA lança manual de medição de vazão em tubulações

Obra orienta profissionais a realizarem o monitoramento adequado de usos de água.

30/06/2020